Logo Branca China Link

Produtos mais importados por empresas brasileiras

Todos os países possuem suas especializações, e ao mesmo tempo têm certas dificuldades ou gargalos. Por isso, o processo de comércio exterior une os países para que aquilo é produzido em excesso seja exportado para um país que não produz, e o contrário para as importações.

Em suma, diariamente o Brasil e os demais países exportam e importam toneladas de produtos. Atualmente nossos principais parceiros na importação são China, Estados Unidos, Japão, Argentina, Alemanha, Índia, Coreia do Sul, México e Itália. Dentre os parceiros mencionados, a China segue sendo o principal país, tanto para exportações como nas importações.

O processo de importação é definido para qualquer produto que entra no país como um bem. Em outras palavras, seja ele adquirido por uma empresa, ou por uma pessoa física. Portanto, mesmo o país importador produza determinado produto, como o primeiro item da lista a seguir, é possível que a sua demanda seja maior que a oferta, a importação continua sendo ótima alternativa.

Principais produtos importados pelo Brasil

Sobretudo, os dados a seguir foram baseados nos produtos que tiveram impacto na balança comercial brasileira em 2020. Ou seja, a lista leva em consideração quantas vezes o produto foi importado, o valor, os principais produtores.

 

1. Adubos e fertilizantes químicos

O principal produto que o Brasil mais importa são os adubos e fertilizantes químicos, que geralmente são usados pela indústria agronômica. Dessa forma, este tipo de produto teve  5,5% de participação (US$ 6,5 bilhões), tendo a Rússia como principal fornecedora.

Além disso, vale lembrar que a Rússia é a maior produtora de fertilizantes, e hoje, com a crise entre aliados da Ucrânia e a Rússia,

2. Óleos combustíveis e petróleo

4,9% de participação (US$ 6,2 bilhões).

3. Plataformas, embarcações e estruturas flutuantes

4,32% de participação (US$ 5,4 bilhões).

4. Equipamentos de telecomunicações

4,29% de participação (US$ 5,4 bilhões).

5. Obras de aço ou ferro

3,54% de participação (US$ 4,4 bilhões).

 

Se você deseja saber quais foram os produtos receberam maior investimento nas importações da China em 2021 clique aqui!

 

Compartilhe:

#MAIS ARTIGOS