BLOG

China promete manter preços com inflação desacelerando

Comparada aos últimos seis meses, a inflação na China chegou ao seu menor nível de altas dos preços, reflexo do enfraquecimento no setor imobiliário, das contenções ao corona vírus e na tentativa do governo de manter os custos da matéria-prima.

De acordo com a Agência Nacional de Estatísticas, o índice de preço ao consumidor chegou a 9,1%, abaixo do previsto de 9,5%, se tornando assim o menor índice desde julho do ano passado.

Estes dados contrastam com outro estudo na segunda maior economia do mundo, enquanto para o consumidor se obteve a leitura mais fraca dos últimos meses, para o produtor as altas dos preços, pressões de custos e outras economias tem tirado o sono dessas pessoas.

Porém, mesmo com a pressão de autoridades de outros países, estudiosos acreditam que este enfraquecimento da inflação traga um alívio ao banco central na política monetária. O índice dos preços ao consumidor no país chegou na casa dos 0,9% no mês passado em relação ao ano anterior, abaixo do previsto de 1% a 1,5%.

Na reunião, o governo anunciou medidas para garantir a segurança alimentar e energética, incluindo um abastecimento maior de carvão e o apoio para que as centrais elétricas a carvão funcionem a plena capacidade.

 

Por: Pedro Vidal, Mamba Digital.

Se você precisar de qualquer apoio para começar a importar da China ou melhorar a sua operação aqui na Ásia, podemos apoiá-lo na busca de fábricas chinesas capazes. Nós fazemos a procura de fornecedores chineses, controle de qualidade e carregamento da carga para você em qualquer lugar na Ásia. Consulte nosso site para mais informações.

Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter

#MAIS ARTIGOS

Elon Musk chines tiktok

Conheça Yilong Ma, o “Elon Musk” chinês que cresce nas redes sociais

Produtos de informática tem imposto zerado

Produtos de informática tem imposto de importação zerado

Produtos Importados da China seguem forte no Brasil

Produtos Importados da China: Ranking 2021