Superstições chinesas que valem a pena conhecer!

É difícil encontrar pessoas que não tenham ao menos uma superstição que aplica ao seu dia a dia. No Brasil, temos várias delas, como por exemplo: não passar embaixo de escadas, não pisar em riscas no concreto, acreditar que o número 13 represente má sorte, bater na madeira para “espantar” maus pensamentos, entre muitas outras. O Brasil é enorme, e de estado para estado, as crenças populares são muito diversas. E não seria diferente com a China. Sejam as superstições ligadas a números ou hábitos, os chineses, com seus milhares de anos de história, e mais de um bilhão de habitantes, também acreditam em diversas superstições que podemos tanto nos identificar, quanto ficarmos bem confusos! Quer saber um pouco mais sobre as superstições chinesas? Continue conosco!

 

Sorte e azar nos números

Se no Brasil e no ocidente em geral, o número treze é normalmente relacionado à má sorte, ou maus agouros, na China o número principal de “energias negativas” é o número quatro. A causa pode ser um tanto sinistra, já que no mandarim, a pronúncia do número “quatro” (四 – sì), é muito similar à da palavra “morte” (死 – sǐ). Sendo assim, muitos chineses evitam ao máximo o “contato” com o número. Tamanha é a crença no mau agouro do número quatro, que é comum por lá que muitos prédios não tenham no elevador o número quatro nos botões dos andares, então teoricamente, passando o terceiro andar, você vai direto para o quinto! Além do quatro, muitos chineses aderiram à crença ocidental de má sorte relacionada ao número 13, então alguns prédios também não possuem os 13º e 14º andares.

 

superstições chinesas
As olimpíadas de 2008 começaram em 08 de agosto de 2008 (08/08/08), já que o número 8 é um número de boa sorte. Image by: China Link

Quando o assunto é boa sorte ou boas energias, os chineses gostam do número 8 (八 – bā), isso porque, a pronúncia do número é semelhante à da palavra relacionada à prosperidade ou fortuna (发 – fā). Voltando alguns anos no tempo, mais especificamente em 2008, Pequim foi sede dos Jogos Olímpicos de Verão, e não foi apenas uma coincidência os jogos terem começado exatamente às 08:08 da manhã do dia 08 de agosto de 2008 (08/08/08). A medida foi uma forma de atrair boa sorte para os jogos e seus participantes. Por essa e outras que podemos perceber a importância que os chineses dão aos números em suas superstições não é mesmo?

 

As cores e as crenças

No Brasil, temos uma tendência a relacionar as cores a diferentes significados, principalmente durante o ano novo. Muitos escolhem passar a virada de ano vestindo branco, pois branco simboliza a paz, assim como vários escolhem outras cores e seus diferentes “efeitos”, como o amarelo para a fortuna, o vermelho para o amor, o azul para a sabedoria, o verde para o equilíbrio, a saúde e a sorte, entre muitas outras. Assim como também, muitos relacionam o preto à tristeza e ao luto.

Na China as coisas são muito parecidas quanto a acreditar no “poder das cores”, mas não necessariamente os significados. O branco e o preto são associados ao luto e à má sorte. O preto em especial nunca é usado em celebrações ou cerimônias, já que, além de ser associado à sujeira, também é relacionado ao maligno, ao desastre e à tristeza. Mesmo o branco sendo uma cor relacionada ao luto, sua reputação não é tão ruim quanto o preto, pois pra muitos a cor é relacionada também à iluminação e à pureza, já que é a cor do leite materno. Nos últimos anos, muitas mulheres chinesas têm aderido ao uso do vestido branco no casamento, como é comum no mundo ocidental.

 

superstições chinesas
O vermelho é a cor predominante no Ano Novo Chinês. Image by: China Link

Já a cor da boa sorte na cultura chinesa é sem dúvidas o vermelho. Não apenas é a principal cor da bandeira (dentre outros vários significados), mas principalmente é uma cor que representa a felicidade. Quem viaja à China ou assiste a filmes que demonstram a cultura chinesa, vai perceber que principalmente nos festivais, casamentos e no ano novo, a cor vermelha está espalhada por todos os lugares. Aliás, se tem interesse em saber mais sobre festivais chineses, principalmente sobre o ano novo, assista abaixo um vídeo de nosso canal sobre o Ano Novo Chinês!

Durante o Festival da Primavera, o costume é presentear crianças com dinheiro dentro de envelopes vermelhos. Além de ser relacionado à sorte, o vermelho é a cor do sangue e também é muito associado à ideia da vida. Apesar de muitas mulheres estarem aderindo ao uso do vestido branco nos casamentos, muito por parte da influência ocidental, nos casamentos tradicionais chineses, a noiva veste vermelho.

 

Duas superstições importantes

Se você planeja viajar à China, seja a negócios ou a lazer, preste bastante atenção nas duas superstições a seguir, pois elas podem te ajudar a evitar situações bem desagradáveis! O aviso é porque essas superstições estão relacionadas à morte, que em geral, tanto no ocidente quanto no oriente, é um tema muito delicado.

A primeira delas diz respeito às tigelas de arroz que tanto vemos em filmes e ao viajar à China, mas também quanto aos “palitinhos de comer” que na China são chamados de “kuàizi” (筷子). Caso você já esteja satisfeito e não queira mais comer o seu arroz, não espete os “kuàizi” no arroz, já que, os palitinhos espetados no arroz na posição vertical lembram demais a forma como o incenso é oferecido em túmulos para homenagear os mortos. Com certeza não é algo muito agradável de se fazer em um restaurante. Mesmo que para nós ocidentais o gesto não seja feito com maldade, para os chineses o significado é muito forte e negativo.

 

superstições chinesas
Image by: Chinh Le Duc em Unsplash

Já a outra superstição é relacionada a presentes. Se você pretende dar um presente a uma pessoa chinesa, você terá várias opções, mas dentre todas elas, nunca dê um relógio. Isso acontece porque, assim como na pronúncia dos números, a pronúncia da frase: “dar um relógio” (送钟, pronunciado como: sòng zhōng) é praticamente idêntica à pronúncia da frase: “dar adeus a alguém em seu leito de morte” (送终, escrita diferente, mas pronunciada como: sòng zhōng). Presentear alguém com um relógio é simbolicamente o mesmo que desejar sua morte. É um pouco difícil entender a causa, mas não é difícil evitar esse desconforto.

A cultura chinesa, com a riqueza que possui, tem muitas outras, senão milhares de outras crenças e tradições populares, então poderíamos falar por dias sobre elas, mas nós da China Link Trading resolvemos trazer com esse texto ao menos algumas das principais, para que você possa aprender não apenas as curiosidades, como também entender um pouco mais sobre a etiqueta chinesa, principalmente relativa aos presentes, não é mesmo? Se quiser saber mais curiosidades sobre a China, veja alguns dos outros artigos do nosso blog! Sempre existe algo novo a ser descoberto por aqui!

 

Por Arthur Bonsaglia, diretamente de Marília, SP – Brasil

Fontes: Transparent Language, Knoji, Lantern Club.

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário