A Relação China e América do Sul

china2-890x395

Investindo cada vez mais em tecnologia para seus produtos, e com perspectivas de grande crescimento a curto prazo, os fornecedores chineses não poderiam estar em melhor momento. O selo “Made in China” não se retraiu às fronteiras impostas, e “invadiu” a América do Sul.

Apesar dessa relação trazer oportunidades para os países latino-americanos, ela também acompanha impactos que devem ser tratados e analisados com cautela. Deve-se levar em consideração que a política de investimentos externos chinês é dirigida para a segurança alimentar e energética de sua população, e sendo assim, o acesso a recursos naturais, o apoio às exportações (para garantir o aumento de sua participação nos mercados nos quais investe), a aquisição de novas competências, e a necessidade de realocação de indústrias experientes para mercados com custos mais baixos não estão fora de seus objetivos.

Além disso, o aumento crescente de importações da China para os países sul-americanos desloca e diminui as exportações de outros países. Dados recentes mostram que 17,4% das importações que esses países atingiram (exceto Brasil), foram de fornecedores chineses.

Tendo como exemplo o Brasil, observa-se que seu espaço na disputa pelo mercado foi ocupado, por um lado, pela esperta performance chinesa que investiu em segmentos com livre passagem, mas também pela má atuação brasileira, que não se atentou para os produtos de seus concorrentes com uma opção mais barata e qualidade igual.

Nesse período, o Brasil perde expressão com seus vizinhos e deixa os asiáticos mais próximos de assumir o posto de maior exportador dos países latino-americanos.

A importação da China consegue redesenhar um novo mapa político e econômico mundial, e desperta atenção dos países concorrentes. Cada vez mais atenta-se para um crescente número de novos mercados, conduzindo novos acordos com esse gingante asiático.

Acompanhe nosso Blog de Importação e tire dúvidas conosco através do e-mail de contato: contato@chinalinktrading.com.

Nota do autor: Caso a leitura do artigo traga-lhe alguma dúvida ou sugestão, deixe o seu comentário abaixo. Estamos sempre disponíveis para atendê-los!

 

10410340_800721353317818_7151259013914711787_nPor Wlly Rebeca Suzart Camara – Direto de São Paulo – SP, Brasil.

www.chinalinktrading.com

Acompanhe novidades no: www.facebook.com/ChinaLinkTrading

Se você precisar de qualquer apoio para começar a importar da China ou melhorar a sua operação aqui na Ásia, podemos apoiá-lo na busca de fábricas chinesas capazes. Nós fazemos a  procura de fornecedores chinesescontrole de qualidade e carregamento da carga para você em qualquer lugar na Ásia. Consulte nosso site para mais informações.


Veja Também


Deixe seu comentário