Quanto investir na importação da China?

Investir em importação é um assunto delicado e deve ser avaliado com cautela. O planejamento é fundamental para que o investimento inicial seja o start correto para a concretização desta meta! Quer saber mais sobre o quanto investir na importação da China? Continue lendo!

 

Quanto investir na importação da China
Todo investimento deve ser feito com cuidado.

 

Logo de início, é preciso deixar claro que importação empresarial não é para qualquer um. Como envolve uma quantia alta de dinheiro, muita pesquisa e empenho, é preciso se dedicar. Mas, a real questão aqui é entender o quanto de capital é necessário para iniciar o seu empreendimento.

 

Então, o quanto investir na importação da China para meu negócio?

Logo de início, é importante dizer que importação internacional não é brincadeira e não é um ramo “de baixo investimento”. Com isso, já é possível entender que mesmo o capital inicial, será tão alto quanto um investimento nacional.

Quem vai conseguir te responder é você em conjunto com o consultor que está te acompanhando na sua jornada. Não sabe em qual empresa confiar? Então entre em contato com a China Link Trading! O trabalho de consultoria esclarecerá todas as suas dúvidas e te acompanhará durante o processo.

O valor certo para começar vai depender do momento, do quanto você pode investir e do ramo do seu negócio.

Cada área irá demandar uma quantia diferente. Sendo assim, o investimento de um empresário que irá importar óculos de sol e outro que irá importar peças eletrônicas, é diferente. Com isso, você já consegue saber que o investimento pode ser de 10, 20 ou 30 mil dólares.

 

Quanto investir na importação da China
Estude as possibilidades do seu investimento.

 

Qual o melhor produto para importar?

Bom, se você chegou até aqui, a China Link acredita que você está determinado a importar. Contudo, o quanto investir na importação da China está vinculado ao produto que você irá importar.

Sendo assim, as pessoas buscam alternativas para alavancar o negócio. Esta alternativa pode ser novos produtos para a sua loja ou baratear parte do processo da sua produção importando peças avulsas.

Seja qual for o seu negócio, a resposta certa para cada empreendedor será diferente. Contudo, existem alguns produtos que são mais fáceis de vender, caso você seja um novo empreendedor. E existem alguns produtos que demandam uma linha de produção mais elaborada e estruturada.

 

Roupas, sapatos, cosméticos

Ao investir em roupas, o quanto comprar vai depender do seu público alvo, do design da roupa e do valor que ela sera vendida. Se o seu público pede roupas mais baratas, o ideal é comprar grande quantidade para baratear o custo. Se o público exigir algo mais exclusivo, a importação será mais cara. Afinal, você deverá optar por peças mais seletas e em menor quantidade.

De qualquer forma, uma consultoria em marketing irá cair bem para esta resposta. É com ela que você saberá o quanto investir na importação da China!

Quanto aos sapatos, além do mesmo fator das roupas sobre estilo, idade e preço, é importante lembrar-se das tendências. Assim como as roupas, os sapatos também estão indo e vindo na moda. Desta forma, é importante se planejar ao comprar vestuários! Até porque, o frete demorará em torno de três meses para chegar. Ou seja, planeje-se com antecedência!

Os cosméticos também seguem algumas tendências, contudo, em menor intensidade. Isso acontece porque perfumes, cores de bases, batom, se mantém em tendência por mais tempo. Sendo assim, é garantido comprar grandes quantidades!

 

Quanto investir na importação da China
A importação de cosméticos atrai muitos investimentos.

 

Peças intermediárias

Para saber sobre importar parte das peças da sua produção, é necessário ter o seu processo bem sólido e organizado. Isso ocorre, porque uma alternativa para baratear o custo em sua firma, pode ser matéria prima mais barata.

Ao avaliar a sua produção, pesquise quais peças você poderia buscar de outro fornecedor. Desta maneira, existe uma alternativa para baratear as despesas da empresa e aumentar o lucro sem mexer no valor final.

Além disso, pesquise quantas peças seriam necessárias durante 3-4 meses de produção. Considerando que o frete demora três meses para chegar, é bom ter um mês a mais de “gap” para solicitações. Ou, ainda, se programe para investir de 6 em 6 meses, que tal?

Conheça outras possibilidades em O que posso importar da China?

 

Quanto investir na importação da China
Importação de peças intermediárias.

 

Inclua a China Link no seu Business Plan!

Como qualquer planejamento para saber o quanto investir na importação da China , é preciso apoio.

Eventualmente, você se encontrará diante de um desafio: montar o plano de negócios da sua empresa. O plano de negócios envolve uma avaliação de diversos fatores, como financeiro, marketing, riscos, processos, etc.

Para dar o start na sua empresa, o plano deve ter sido visto e revisto diversas vezes. Avaliado por uma trading, ou por um consultor que esteja te acompanhando no processo. Afinal, você estará lidando com supply chain, concorrência, produto e serviço.

Quer ajuda? Entre em contato conosco! Leia mais em Como começar a importar da China!

Assista nosso vídeo sobre investimento e lucro!

 

Não tenho este capital! E agora?

Como qualquer negócio, o foco é girar capital. Desta maneira, pense em maneiras de acumular dinheiro. E assim, estabeleça o quanto investir na importação da China futuramente.

Não adianta fazer um empréstimo gigantesco no qual os juros dobrarão o valor total. Por mais que você tenha o dinheiro na hora, você estará perdendo dinheiro para quitar sua dívida. Sendo assim, como gerar dinheiro?

Considerando que a sua meta é ter a empresa funcionando, comece sendo um microempreendedor individual. Por ora, pense em tudo que precisará para ter um pequeno negócio rodando, com produtos nacionais, ou, com fornecedores no Brasil que já importaram da China. Este é um modo de iniciar a sua empresa e acumular capital. Mas, lembre-se, é necessário planejamento e investimento em algum fundo bancário.

Se você não tem o capital para investir na importação empresarial, significa que não é o momento. Dito isso, lembre-se que os custos são altos e você poderá ter mais prejuízos do que lucro.

Em suma, o indicado é sempre fazer um planejamento, afinal, é no seu Business Plan que os riscos e oportunidades se mostrarão.

 

Quanto investir na importação da China
Quando mais análise e cálculos, melhor o resultado da sua importação.

 

Sociedade, uma chance de lucrar

Primeiramente, aceite que, se você não possuir o capital do quanto investir na importação da China para seu negócio, uma alternativa é focar em encontrar um sócio. Afinal, encontrar um parceiro que acredita no seu planejamento, poderá ser benéfico para ambos.

Ao ter o seu planejamento sólido, é possível apresentar para um possível investidor e dividir os lucros. Entretanto, tudo deve estar em um contrato. Desde os direitos, obrigações, participação em sociedade e divisão de lucros. Para garantir que tudo seja feito de maneira correta, contrate um advogado.

Uma dica é procurar alguém que agregue em seu negócio e não apenas alguém que tenha dinheiro. Investimentos são sempre bons, mas conhecimento e empenho, são melhores ainda! Lembre-se, buscar um sócio não é buscar ajuda, e sim, oferecer uma oportunidade.

 

Quanto investir na importação da China
O mundo dos negócios internacionais pode trazer muitas vantagens ao empresário.

 

Em suma, importação é papo sério! E, ao contrário do que é dito por aí, dinheiro não é a solução para tudo. Afinal, é importante ter mentes inteligentes por trás de todo o processo. Além de muito planejamento e esforço.

Montar uma empresa não é da noite para o dia, pelo contrário, é um processo de meses de duração. E então leitor, o que achou de nosso texto? Está preparado para investir algumas dezenas de dólares na sua empresa? Sendo assim, conte para a gente qual foi a sua experiência!

 

Por Carolina Ranzoni, diretamente de São Paulo, SP – Brasil

Fonte: Administradores, Como Investir, SEBRAE, Endeavor

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário