Importar produtos natalinos da China

Você já imaginou o papel fundamental que os produtos da China representam em períodos festivos? O Natal é a data festiva mais comemorada no países do Ocidente. Logo, os produtos fabricados na China têm grande importância nesta época. Seja nas decorações ou nos presentes, importar produtos da China é algo comum no natal.

Para o comércio e a economia, o país chinês é a figura mais representativa do “Papai Noel”. Isso devido à produção e exportação massiva de produtos natalinos da China.

Atualmente, os produtos natalinos da China podem ser encontrados em todas as esquinas. Tanto grandes quanto em pequenas cidades, sua importação para o mercado brasileiro é crescente. O aumento da importação de produtos natalinos da China pode ser explicado pelo enorme potencial da China para a produção e a comercialização de bens de consumo em geral.

 

A maioria das decorações natalinas do mundo são produzidas na China.

 

A China e a importação de produtos natalinos

A população chinesa apresenta comprometimento e seriedade quando o assunto é decoração. Ao se tratar das luzes e enfeites de Natal, estas têm se popularizado ainda mais nos últimos anos. Aqui, as luzes de LED são usadas em quase tudo.

No entanto, a importação de produtos natalinos da China tornou-se tão popular que estão inovando. Além de fornecerem produtos fabricados com o estilo e a cultura chinesa, os empreendedores da China têm se moldado e se adaptado ao comércio internacional.

Os produtos da China estão cada vez mais produzindo e incorporando padrões da cultura ocidental em seus produtos de decoração. Assim, possibilitando a venda destes produtos natalinos ao redor do mundo. Consequentemente, a maioria dos produtos natalinos que chegam no Brasil têm origem da China.

 

A viabilidade dos produtos importados da China

Além de atraentes e chamativos, os produtos natalinos da China apresentam uma característica que chama a atenção de qualquer comprador: o preço! Outras vantagens que podem ser listadas são a grande diversidade e a tecnologia dos novos produtos.

Entre os principais produtos natalinos importados estão os artigos de decoração natalina. Estes produtos baratos são geralmente encontrados nas lojas da 25 de março em São Paulo e/ou demais lojas de atacado ou de R$1,99. Apesar das lojas físicas serem um ótimo foco de venda para os produtos natalinos da china, podemos também contar com a ajuda de sites de vendas destes itens. A venda de produtos da China por e-commerce têm aumentado em popularidade e números de compradores.

Como principais produtos natalinos importados da China encontram-se enfeites, bolas de natal, guirlandas, bonecos de neve, entre outros artigos de decoração.

 

A maioria das luzes de LED, amplamente utilizadas no natal, são importadas da China.

 

Tempo para importar produtos natalinos da China

Embora a importação dos produtos natalinos da China seja ótima para os consumidores dos países que recebem estes produtos, como o Brasil, 0 processo de “importar” não é algo rápido. Desta forma, para que as empresas brasileiras garantam as vendas dos produtos na época do natal, as cotações e importações necessitam ser inicializadas um bom tempo antes.

O tempo que leva para importar produtos da China é grande dúvida para aqueles que desejam começar a importar. No vídeo a seguir explicamos quanto tempo costumam demorar as importação de produtos da China, confira:

 

Antecipação ao importar produtos da China

Devido o prazo estimado de 48 dias para o transporte de uma importação oriunda da China até os portos do Sudeste e Sul do Brasil, as negociações dos produtos natalinos precisam ser iniciadas antes do mês de julho de todos os anos. Em alguns casos, alguns importadores do Brasil solicitam aos exportadores dos produtos natalinos da China o envio de amostras a fim de confirmar as especificações dos produtos. As amostras servem também para confeccionar catálogos de venda e garantir a qualidade dos produtos que serão vendidos.

Os chineses são considerados os maiores exportadores de produtos natalinos para o Brasil. Os índices são de 90% a 93% de produtos natalinos provenientes do país asiático. As importações do Brasil de produtos natalinos chineses costumam alcançar índices elevados entre os meses de agosto e setembro. Entre 50% e 60% dos itens natalinos chegam nesse período do ano.

 

Como é a comercialização dos produtos natalinos na China?

Ao se tratar da comercialização dos produtos natalinos dentro da China, este processo tem sido crescente. Apesar disso, este comércio na China não apresenta magnitude tão grande quanto nos países ocidentais, como o Brasil.

Mesmo que a China seja a maior referência na produção e exportação de produtos natalinos, a população chinesa não possui o costume de comemorar a data do Natal. Isto devido à diferente tradição do país e de suas diversas religiões como confucionismo, taoísmo e budismo. Os chineses e demais habitantes da China adeptos ao cristianismo correspondem a 25 milhões de pessoas, que de acordo com o governo, somam menos de 2% da população.

Contudo, como dito anteriormente, a celebração do Natal na China tem se popularizado. Isto pode ser atribuído à grande influência da comemoração dos países ocidentais, responsáveis pelo grande consumo dos produtos natalinos nesta época.

Além disso, voltando a falar do comércio de produtos natalinos da China para o ocidente, a China tem buscado se adaptar ao cristianismo de países. Hoje vários fornecedores disponibilizam imagens religiosas nas decorações natalinas.

 

Onde encontrar produtos natalinos para importar

Um exemplo de evento onde brasileiros podem buscar por estes produtos na China é a Feira de Cantão, também conhecida como Canton Fair.

Esta ocorre na cidade de Cantão ou Guangzhou, duas vezes durante o ano e apresenta três fases. A divisão ocorre por causa da quantidade de produtos, fornecedores e visitantes que participam da feira. A segunda fase desta feira aborda os itens de decoração, inclusive os itens de decoração natalina.

 

importar produtos china
Local onde é realizada a Canton Fair duas vezes ao ano.

 

Portanto, os produtos natalinos da China são muito populares e estão presentes nas mais diversas casas e estabelecimentos ao redor do mundo. Principalmente porque os fornecedores da China são cuidadosos e têm adaptado sua produção para participar do comércio internacional. O Brasil é um dos maiores compradores destes produtos, mantendo uma parceria com a China.

Existe natal na China?

A cultura chinesa é bastante diferente da ocidental quando o assunto é religião. Sendo uma das civilizações mais antigas da história, seu império começou ainda na época antes de Cristo e este não teve tanta influencia na história chinesa.

A religião chinesa não é como o que conhecemos. Existem diversas em seu território, mas a maioria obedece aos mandamentos de Confúcio. Sendo assim, o natal não tem tanta relevância religiosa para os chineses.

 

PorLaura Mochiatti Guijo, diretamente de Marília, SP – Brasil

Fonte: Tem Notícia, Investimentos e Notícias, Terra, Solar Conflict, Cadeia Logistica do Frio

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário