Importar da China: Vale a pena?

A China está cada vez mais presente em nossas vidas, por meio de notícias importantes (como obras incríveis de infraestrutura) e principalmente pela enorme quantidade de produtos vindos de lá que são comercializados aqui no Brasil – os famosos “made in China”- que estão presentes em áreas variadas do varejo, e não mais somente nas famosas lojas de 1,99. De modo que importar da China cai cada vez mais no gosto dos brasileiros e os produtos do gigante asiático superam os produtos brasileiros em variedade e qualidade
constantemente.

Neste artigo buscamos te explicar em quais situações a importação da China é vantajosa (ou não) e quais as possíveis soluções para os problemas encontrados na escolha do produto a se importar.

 

Importar da China

Fonte: InfoBrindes

 

Mas apesar da popularidade dos produtos importados da China, da grande fábrica do mundo, muitos podem se questionar sobre sua viabilidade frente aos primeiros passos de importação da China. Alguns produtos exigem certificações ou até mesmo sofrem o chamado “dumping”, mecanismo de proteção ao produto nacional, uma chamada barreira comercial.

De fato o processo pode ser um pouco complexo, mas é possível realizar o mesmo sem grandes dores de cabeça ao seguir os passos corretamente. Um bom preparo garante grandes chances de sucesso do investimento, então estude o processo da importação o máximo possível com a ajuda da China Link Trading. Já para a primeira questão sobre se vale a pena importar da China, a resposta é completamente afirmativa. Para saber mais sobre os motivos fique ligado neste artigo.

Mas antes de aprofundar em alguns temas, fiquem ligados nesse vídeo onde te damos três motivos para importar produtos da China.

Nosso canal no Youtube foi feito para ajudar você, empresário brasileiro, a levar seu negócio para outro patamar. Assista aos nossos vídeos sobre importação e negócios com a China e não perca para concorrência!

 

Porque não comprar no Brasil?

Frente a um novo processo de importação que envolve riscos, novos conhecimentos e um mercado diferente, muitas podem ficar receosos e questionar se não seria melhor comprar os produtos em seu próprio país no caso, no caso o Brasil. Comparando as vantagens produtivas entre China e Brasil, em quase todas as estimativas, muitas vezes o melhor é realizar a importação dos produtos necessários, aumentando assim a variedade e a qualidade do seu negócio. Mas quais são os fatores que fazem com que comprar do Brasil não seja uma opção a ser considerada?

 

Importar da China
Fonte: NexoJornal

 

Primeiramente, podemos destacar que muitos produtos, especialmente aqueles tecnológicos, não são produzidos no Brasil, tornando a importação inevitável. Além disso, muitas vezes quando o produto é fabricado e disponibilizado internamente, o preço dele não é muito vantajoso devido à vários fatores como o alto preço de produzi-lo no Brasil  e às demais cargas tributárias.

Para saber mais sobre as especificidades de cada produto importado da China para o Brasil, leia nosso artigo específico sobre o assunto.

 

Impostos para importar da China

Mas será então que os impostos para importar da China realmente não são um problema e sim uma vantagem para comprar do país? Esse fator muitas vezes faz com que não compense comprar o produto no Brasil (se este estiver disponível). Logo, ao se atentar nesse caso é possível ver que para manter a economia aquecida independentemente das novas políticas, o Governo da China também vem contribuindo para um cenário comercial propício para o comércio exterior. Como parte disso, ele segue uma linha de tributação cada vez mais parecida com a americana, reduzindo os impostos cobrados sobre as empresas e aumentando os impostos sobre os cidadãos.

Ou seja, ainda que o custo para manter uma equipe e linha de produção dentro dos padrões exigidos pela China tenha aumentado, esse valor foi equilibrado com a redução dos impostos e mão de obra e com o aumento da produtividade. Isso faz com que o mercado chinês se mantenha competitivo em todos os setores e continue sendo interessante aos olhos dos importadores brasileiros.

 

Importar da China
Fonte: PlatoformaMacau

 

Importar da China é sinônimo de má qualidade?

Os empresários brasileiros sempre pensam em importar da China pelo bom preço dos produtos, mas no Brasil ainda permeia a má fama de que os produtos chineses não são de qualidade. Apesar da má fama e do mito de que tudo o que vem da china é ruim, precisamos entender que a maioria dos produtos importados hoje, principalmente eletrônicos e seus componentes, vêm da China, país que se tornou referência em importação empresarial.

 Os produtos vindos da China passaram por uma transformação ao longo do tempo. No início eram ruins e também feios, depois passaram a ser bons, mas continuavam feios aos olhos ocidentais. Hoje as marcas chinesas de eletrônicos e artigos de design interior já ganham o mercado internacional inclusive abrindo lojas físicas no Brasil.

Isso se deve também porque os chineses são conhecidos por serem metódicos e excelentes em “copiar”,sempre importando novas tecnologias para melhorar e aprimorar seus produtos. No processo da importação, a qualidade do seu produto é garantida através do controle de qualidade, realizado na própria fábrica na China.

A China Link Trading pode garantir não só a idoneidade do seu fornecedor, como também realizar auditorias nas fábricas e acompanhar o controle de qualidade, realizando um relatório completo.

 

Importar da China
Imagem de RockContent.

 

A atual preocupação ambiental

Outro fator positivo que pode contar na hora em que o assunto é importar da China é a questão ambiental, questão enfatizada cada dia mais. Assim, na esfera ambiental, a China também vem mostrando uma maior consciência no que diz respeito a reduzir os impactos causados por suas indústrias. Como exemplo disso, todas as fábricas chinesas que poluem o meio ambiente tiveram que adaptar a sua linha de produção para diminuir a emissão de poluentes no país. Esse movimento se fortaleceu entre os anos de 2016 e 2017, mas até hoje vem trazendo consequências de aumento de preços, principalmente nas indústrias químicas.

 

Importar da China
Imagem de Thyssenkruppelevadores.

Importar da China com sua marca

O empresário que já exporta da China há algum tempo ou que já tem uma empresa de receita sólida no Brasil pode importar com a sua própria marca, aproveitando todos os pontos positivos de importar da China mais o bônus da oportunidade de criar a sua própria linha de produção.Contudo, entre os diversos fatores que é preciso se atentar, é necessário sempre seguir a legislação vigente em ambos os países e de acordo com ambas as legislações, fazer seus cadastros e operar tudo de forma legal.

Deve ser dada a devida atenção para aqueles pontos sempre enfatizados aqui no blog: buscar um fornecedor de confiança, planejar bem as suas ações, conhecer o mercado, minimizar os riscos e entre outras precauções que garantem o sucesso da sua importação.

Portanto, podemos ver que importar da China pode ser um negócio muito vantajoso para aquele empresário cauteloso e que busca o melhor tipo de procedimento para seu processo.

 

Por Pedro Mochiatti Guijo, diretamente de Marília, SP – Brasil

Fonte: GrupoSerpa, Administradores.com

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário