Importando da China com segurança

O medo de importar com segurança da China é oriundo de uma série de fatores, o primeiro deles é o estigma criado historicamente acerca da qualidade dos produtos chineses, um segundo fator que pode ser apontado é a questão básica de que você estará investindo recursos humanos e financeiros para trazer um produto do outro lado do mundo, o que gera desconfiança, medo do desconhecido e insegurança.

 

Escrito Made in China como um selo de importação
Existe um falso estigma acerca dos produtos “Made In China”

 

Quanto ao medo encontrado no processo de importação da China: infelizmente até os dias atuais é comum que a China possua uma imagem negativa acerca de seus produtos e, mesmo que uma vasta maioria dos aparelhos eletrônicos consumidos mundialmente tenham sua produção na China, o “Made in China” associado com produtos de baixa qualidade ainda é uma realidade, isso ocorre principalmente porque muitos produtos chineses são falsificados em outros países e recebem o selo “Made in China”, quando não é, de fato, produzido em solo chinês. Outra questão que faz com que a China tenha recebido este estigma, ocorre pelo preço chinês que se consagrou como mais barato no mercado mundial, considerando que a produção na China era barateada pela mão de obra farta, o que já não é mais uma realidade na China – não pela falta de mão de obra – mas porque os salários têm sido equiparados – e até mesmo ultrapassado – a média de salário de alguns países desenvolvidos.

 

O medo de arriscar no mercado chinês

O segundo fator relacionado ao medo de importar do mercado chinês pode ser generalizado para o medo de importar de qualquer mercado, considerando que a importação tanto a nível pessoal quanto a nível de importação realizada por uma empresa é permeada por uma série de fatores, os recursos humanos envolvidos, os recursos financeiros, que pode ser considerado como o maior medo, pelo fator de risco envolvido em grandes investimentos para fins de importação.

Aprenda a importar cosméticos da China neste vídeo!

Em um primeiro momento, é necessário encontrar fábricas confiáveis para que a importação seja feita com segurança, alguns fatores são indispensáveis nesse momento, pois nem sempre o fornecedor mais barato pode ser aquele que é mais confiável, e às vezes o baixo valor que o supplier oferece não é compensado pela demora de entrega do produto, pela dificuldade de comunicação com o fornecedor e até mesmo pela falta de informações disponíveis, é necessário estar certo de que aquele fornecedor oferece um melhor custo-benefício, o preço não pode ser o fator mais preponderante. É importante saber que para todo esse processo, desde a busca pelos melhores suppliers até a chegada do produto nas mãos das empresas pode ser auxiliada – e feita – pela China Link Trading, por exemplo.

 

Conte com a China Link Trading no momento de importar

 

Contêiners chegando da China em uma esteira
Importe produtos da China sem medo e com segurança

A China Link Trading é uma empresa que está a um bom tempo no ramo da facilitação do comércio com a China, (em suma no auxílio com as empresas que decidem importar) mas passam pelos citados acima. As operações da empresa iniciaram-se já em 2008 e foi motivada pelas oportunidades existentes no comércio entre o Brasil e a China, que na época, assim como hoje, ainda era um mercado mais inicial; hoje mais consolidado do que no início, mas ainda em constante expansão. A China Link Trading possui essa missão de realizar operações internacionais com velocidade, baixo custo e resultado, o que vai ao encontro das expectativas de importar com segurança e qualidade. A China Link Trading (CLT – sigla), possui a segurança necessária para aqueles que querem iniciar o processo de importação, pois existe o acompanhamento digital de todo o processo.

É necessário atentar-se para uma série de procedimentos anteriores ao processo em si da importação, como o registro da empresa no Registo de Exportadores e Importadores (REI) da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Posteriormente são necessários procedimentos administrativos, documentações necessárias, conhecimento do câmbio, das condições de pagamento, as questões do despacho aduaneiro, dentre outros fatores que precisam ser levados em consideração durante todo o processo. A China Link Trading é, então, a empresa que você deve consultar no momento de iniciar – e até mesmo melhorar – a sua operação na China (e na Ásia), eles dão suporte desde a procura de fornecedores até o carregamento de carga.

Por fim, é necessário relembrar que a CLT hoje também está presente no Estado de Santa Catarina, na cidade de Itajaí, é nela que se localiza um dos maiores portos do Brasil em termos de entrada e saída de cargas, podendo ser um dos caminhos escolhidos para quem deseja trazer produtos chineses para sua empresa, com segurança e comprometimento. Conte com a China Link Trading, deposite o seu medo em nossa empresa e nós o transformaremos em rentabilidade.

 

Por Lucas Lima da Cruz, diretamente de Marília, SP.

Fontes: China Link Trading

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário