O fuso horário unificado na China

No artigo de hoje, vamos conhecer algumas das grandes curiosidades que envolvem  a China, o fuso horário único. Já pensou anoitecer às 10h? Ou amanhecer às 22h? Em alguns lugares daquele país é assim. 

Quer entender o porquê? Então, confira o vídeo e o texto abaixo.

Por que a China deveria adotar diferentes fusos horários?

Por que é tão absurdo a China ter um único fuso horário? Afinal, vários países tem um horário unificado e ninguém fala nada, não é mesmo?

Errado! O que diferencia a China de outros países é que a China é um país enorme. E o que isso tem a ver?

Para evitar enormes disparidades entre a posição do sol e o horário que nossos relógios indicam, usamos os fusos horários, dividindo o planeta em 24 “fatias” que usam a mesma regra de tempo. Essas fatias são chamadas de meridiano de Greenwich.

Quanto maior o território de um país, mais fusos ele deve ter. No caso da China, o país deveria ter quatro fusos diferentes.

Contudo, o horário no território chinês segue Pequim. Mas você sabe por que todas as regiões da China seguem o horário da capital? 

Horário de Pequim

Antes da vitória da Revolução Chinesa em 1949, a China mantinha-se em um estado de constante conflito interno.

Diversos grupos disputavam o poder no país, principalmente após a queda da dinastia Qing, em 1911 e a instauração de uma República no país. Em 1912, foi estabelecido que a China utilizaria cinco fusos horários diferentes, baseados nas regiões de Zhongyuan, Longshu, Tibete, Kunlun e Changbai, que apresentavam uma diferença entre cinco horas e meia e oito horas e meia do horário de Greenwich, o meridiano central de referência para os fusos horários.

Entretanto, quando os comunistas, liderados por Mao Tsé-Tung venceram os nacionalistas liderados por Chiang Kai-Shek em 1949, marcando o fim da guerra civil chinesa e o começo do governo de Mao, o Partido Comunista Chinês decidiu que, em um esforço voltado a uma maior união entre os chineses, além de facilitar a organização do governo, todos os fusos horários do país na época seriam substituídos por apenas um fuso, o de Pequim. 

Fuso horário permanente perdura na China desde a implantação do comunismo no país

Então, se os relógios marcam sete da manhã Cidade Proibida em Pequim, também será às 7h em Urumqi, localizada a mais de 3 mil km a oeste da capital chinesa.

De acordo com os planos originais do Partido Comunista Chinês, adotar uma hora única para todo o país facilitaria o processo de organização dos meios produtivos e da própria economia, organizando o trabalho e a produção em nível nacional, sendo esse tipo de organização algo muito importante em uma economia altamente centralizada como a do período no qual Mao Tsé-Tung foi governou o país.

Quais problemas o fuso horário unificado traz?

É de se esperar que essa duradoura medida do governo chinês deva causar consequências sem tamanho à população

As regiões do país mais próximas de Pequim sofrem poucos reflexos deste padrão de fuso horário. Entretanto, quanto mais a oeste se viaja, mais eventos curiosos são perceptíveis, e maiores são os problemas.

Afinal, como há regiões que estão a milhares de quilômetros de Pequim, mesmo assim estão sujeitas ao mesmo horário, o que faz com que em cidades como a já citada Urumqi, capital da província de Xinjiang, o sol só apareça às 10 da manhã, ou até mais tarde que isso.

Dentre as inconveniências para quem é do oeste da China estão o fato de ir trabalhar no escuro, dificuldades em se adaptar, já que as diferenças entre as horas apontadas no relógio e a posição do sol levam a situações estranhas, como por exemplo, jantar à meia-noite, e problemas na hora do descanso, com as horas de sono perdidas. 

Todo o país, proporção continental, segue o horário de Pequim. O que faz alguns lugares na relação entre o pôr e nascer do sol e o relógio

Aeroportos, escolas e estações de trem também funcionam em horários “pouco convenientes”. Em alguns casos, exames de escala nacional (como o ENEM no Brasil), são aplicados à noite em algumas regiões, e estabelecimentos comerciais muitas vezes operam “no escuro”.

Está pensando em viajar à China depois que a pandemia passar? É bom ficar atento e saber qual região do país você vai. Pode ser que você passe por alguns perrengues por conta do fuso horário. Qualquer coisa, só dá mais uma lidinha no nosso artigo!

Gostou do tema de hoje? Então acompanhe nosso blog, inscreva-se nas nossas redes sociais e inscreva-se no nosso canal no Youtube para mais conteúdos.

Até a próxima!

Texto de Paulo Santos, diretamente de São Vicente/SP


Veja Também


Deixe seu comentário