Custos fixos na importação da China

Ao analisar o investimento em importação da China, é preciso considerar todos os possíveis custos. Afinal, o valor final do produto depende do custo do processo daquela importação. Considerar os custos fixos na importação da China é crucial para um preço final vantajoso!

Em busca de simplificar a análise das vantagens da importação, o cálculo do preço final pode ser feito em cinco etapas. Ao final, é possível se ter uma noção do preço final do produto. Assim, conhecendo sua vantagem final.

Além dos custos fixos, é necessário considerar também a quantidade. Importar em grandes ou pequenas quantidades define também o tamanho deste investimento.

Calcular o valor final do seu produto é essencial para responder à maior dúvida dos empresários: quanto de dinheiro é preciso para importar da China?

 

Entendendo a importação da China

Para entender melhor como funcionam os custos fixos da importação, é importante que o empresário tenha em mente alguns conceitos da importação. Conhecer as Incoterms e os tipos de contêineres disponíveis, pode ajudar – e muito – na sua preparação para a importação.

Além disso, os impostos de importação e questões de quantidade mínima são relevantes. Os impostos de importação incidem sobre todos os importadores brasileiros, assim como a exigências de quantidade mínima. Obter melhores condições de negociação aqui, é possível ampliar vantagens.

 

custos fixos na importação da china
Fonte: Ashton College

 

O bom em conhecê-los a fundo está em trabalhar aumentando qualquer possível vantagem do processo. É possível trabalhar aqui com escolher inteligentes de tipo de frete, de produto e de incoterm. Assim, tornando o processo mais lucrativo.

 

Quais são os custos fixos na importação da China?

A importação de produtos da China consiste em um processo de etapas a serem seguidas. Ao longo deste processo estão envolvidos diversos atores, cada qual com sua função. Alguns destes custos variam conforme o produto importado. A escolha do produto deve ser feita levando em consideração diversos fatores como custo de produção e tipo de frete.

Em suma, os produtos importados da China estão sujeitos à 5 categorias de custos. São elas:

 

  1. Despesas financeiras
  2. Impostos de importação
  3. Controle de Qualidade
  4. Despesas Aduaneiras
  5. Frete rodoviário

 

custos fixos na importação da china
Analisar os custos e possíveis riscos é crucial. Fonte: Projeto DSD

 

Conheça cada um destes custos mais detalhadamente a seguir.

 

1. Despesas Financeiras

Na hora do fechamento de um contrato de câmbio, onde são acordados os termos de pagamento com seu vendedor na China, estão inclusas a taxa de fechamento de câmbio e o IOF (Imposto sobre Operação Financeira).

Aqui está também o custo e o risco do investimento. Ou seja, do capital investido na importação da China.

 

2. Impostos de Importação

Os impostos da importação são aplicados às importações da China de acordo com o tipo do produto. É necessário calcular o valor do frete + valor do produto para conseguir calcular o valor dos impostos. Entenda melhor as alíquotas de importação:

É importante lembrar aqui de verificar se o produto que você deseja importar não possui Dumping. Uma sobretaxa cujo objetivo é proteger a indústria nacional daquele produto.

 

3. Controle de Qualidade

A importância desta etapa costuma ser subestimada pelos importadores iniciantes. Os mais experientes atestam que um bom controle de qualidade garante satisfação com o produto final.

A troca do produto comprado da China pode ser mais complicada do que parece. Esta inspeção ocorre antes do embarque da mercadoria na China. Afinal, é aqui que são detectados possíveis defeitos da mercadoria.

 

4. Despesas Aduaneiras

Os custos aqui são da parte logística do produto. Ou seja, a retirada do contêiner, o aluguel do seu espaço no armazém e mão-de-obra dos trabalhadores do porto. Resumidamente, pagando-se por todos serviços portuários utilizados.

 

custos fixos na importação da china
Navio carregando contêineres para o comércio internacional. Fonte: Freightos

 

Por outro lado, existem estratégias que tornam este custo fixo mais inteligente e rentável para o importador. Esta estratégia é traçado pelo despachante aduaneiro. Em suma, ela é pensado para obter a melhor vantagem econômica nos custos logísticos.

A parte do desembaraço aduaneiro é responsável pela permissão de entrada da sua mercadoria no Brasil. Permitindo assim, sua revenda no mercado brasileiro.

 

5. Frete Rodoviário

O frete rodoviário é o transporte da mercadoria do porto até o armazém ou fábrica escolhida pelo empresário brasileiro. Certamente, existem transportadoras aptas a realizar este tipo de serviço.

 

custos fixos na importação da china
O frete rodoviário é amplamente utilizado por importadores brasileiros. Fonte: A Voz da Cidade

 

O preço varia de acordo com tamanho, peso, preço e até mesmo região de entrega. Assim, para saber este valor, é necessário consultar as opções com calma.

 

Simulação de importação da China

Este é o documento que vai ajudar o empresário a decidir de uma vez por todas se o negócio de importação pretendido é vantajoso. Em suma são expostos cada um dos custos envolvidos, detalhadamente. A simulação de importação pode ser feita por um consultor de comércio exterior ou uma empresa de trading.

A China Link Trading oferece este tipo de serviço. Para saber mais, fale conosco!

 

Por Mariana Madrigali, diretamente de Brotas, SP – Brasil

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário