China sustenta o controle do Partido Comunista Chinês nas Forças Armadas – China Link Trading

Controle do partido comunista chines nas forças armadas

Na última semana o Presidente chinês, Xi Jinping, declarou que o “partido manda sobre armas”, por isso o exército chinês deve sempre ser leal ao Partido Comunista da China. Tal afirmação se deve a um questionamento interno existente a cerca desta lealdade de dividir suas atenções com a sociedade em si.

Xi Jinping declarou também: “Devemos reconhecer profundamente o importante papel do trabalho político na construção do exército chinês e apontar para as próximas gerações as grandes tradições forjadas com sangue por nossos ancestrais”, segundo a agência oficial Xinhua.

Apesar das críticas feitas pela imprensa estatal referente ao vigente controle do exército chinês por parte do Partido Comunista da China, o Presidente prometeu extinguir a corrupção que na sua concepção ainda tem falhas. Após, divulgados casos de recebimento de subornos e favorecimento em promoções nas forças armadas o exército chinês viu sua imagem enfraquecer.

É possível verificar que a China perpassa por mudanças pontuais e importantes no que tange a sua estrutura política. Conforme escrito no último artigo, a crise em Hong Kong, investimento em armas ao Irã visando o golfo e, por fim, a corrupção nas forças armadas – tudo isso, desmente a tranquilidade vivida e há alguns anos sustentada por crescimentos econômicos elevadíssimos, hoje, desacelerado. Estaria a China, portanto deixando de viver sua utopia ou seria apenas um rápido pesadelo?

Acompanhe nosso Blog de Importação e tire dúvidas conosco através do e-mail de contato: contato@chinalinktrading.com.

Nota do autor: Caso a leitura do artigo traga-lhe alguma dúvida ou sugestão, deixe o seu comentário abaixo. Estamos sempre disponíveis para atendê-los!

Sem título0

Este artigo foi escrito pelo graduando de Relações Internacionais, Rafael A. Belfiore, Faculdades Metropolitanas Unidas, São Paulo – SP. 


Veja Também


Deixe seu comentário