Ambição da China em criar mais de 10 milhões de empregos – China Link Trading

China-nova-meta-de-empregos-para-2015

Existem diversas formas de se criar e incentivar empregos em um país, como por exemplo: criar espaços públicos de desenvolvimento de oficinas para geração de renda e de iniciativas em economia solidária, regularizar o trabalho precário ou informal, promover estudos voltados à identificação de novos mercados produtivos – visando maior desenvolvimento do processo agrícola, industrial e comercial do município; Desburocratizar os processos de abertura e fechamento de micro e pequenas empresas, ONGs e cooperativas com apoio de serviço de ouvidoria; Investir em Programas de Capacitação dos micro, pequenos e médios empresários, – em todas as áreas; Fortalecer o Banco do Povo para crédito às micro e pequenas empresas, oferecer incentivos para empresas se instalarem no município; entre outras vias que um Estado têm para aumentar a empregabilidade de seu país. ​

A China têm esse objetivo de criar – para 2015, ​mais​  de ​dez​ milhões de empregos, informou o  ministro de Recursos Humanos, Yin Weimin:​ ​

“Realizaremos extenuantes esforços para criar mais de dez milhões de postos de trabalho nas zonas urbanas em 2015″​​, disse em entrevista coletiva à margem da sessão anual da Assembleia Nacional Popular (ANP)​, pela emissora estatal, CFTV.​

Analisando o país, Yin também disse que, cerca de 15 milhões de jovens precisarão de emprego em 2015, tanto graduados universitários como aqueles de formação profissional, e outros três milhões de emigrantes rurais buscarão trabalho nas cidades neste ano​.​  

No ano passado a China criou 13,22 milhões de postos de trabalho, superando o objetivo – o mesmo deste ano – de 10 milhões, lembrou o ministro, que destacou a expansão do setor de serviços e das pequenas e médias empresas.

Acompanhe nosso Blog de Importação e tire dúvidas conosco através do e-mail de contato: contato@chinalinktrading.com.

Nota do autor: Caso a leitura do artigo traga-lhe alguma dúvida ou sugestão, deixe o seu comentário abaixo. Estamos sempre disponíveis para atendê-los!

Foto Jefferson Oliveira

Este artigo foi escrito pelo graduando de Relações Internacionais, Jefferson Oliveira, Faculdades    Metropolitanas Unidas, São Paulo – SP. 

​ ​


Veja Também


Deixe seu comentário