BLOG

Amizade brasileira

               Conheci o Lincoln em meados de 2010, quando trabalhávamos como intérpretes para um grupo de empresários brasileiros que vinha à China participar da “Feira de Cantão”, tida como a maior feira multi-setorial do mundo. À época, éramos ambos “recém-chegados” na China, estando no país há pouco mais de 1 ano e, de certa forma, ainda cheio de inseguranças e dúvidas com relação a este vasto país e suas ilimitadas possibilidades. Ainda  assim, éramos tidos pelo empresariado como fluentes na língua e como os seus “gurús”, que lhe dariam preciosas dicas para a realização de um “Negócio da China” e que lhes mostraria o caminho certo para um approach ideal frente ao misterioso empresariado chinês.

            Quase 3 anos depois, cada um de nós seguiu por caminhos bem diferentes, sempre morando em cidades bem distantes uma da outra (Shenzhen e Beijing), mas fato é que ainda continuamos na China e parece ter sido esse o caminho profissional que escolhemos: o de trabalhar em prol de uma maior aproximação comercial e cultural entre os dois países.

            Nesse curto período de tempo, pudemos testemunhar o frenético ritmo de mudanças que move a China, vimos “a olho nu” como o seu  desenvolvimento modifica as vidas das pessoas por todo o país e, em paralelo, assistimos a uma enorme aproximação entre China e Brasil, com grupos crescentes de brasileiros realizando sourcing por aqui, estabelecendo empresas, montando escritórios e um número cada vez maior de companhias chinesas investindo no Brasil. Como não podia ser diferente, também mudamos muito no decorrer deste processo e vi o Lincoln e a China Link Trading crescerem gradativamente rumo a uma maior compreensão desta que é hoje a segunda maior economia do mundo e nosso maior parceiro comercial.

            De uma forma geral acredito que, como alguns outros brasileiros que se aventuraram por este universo aqui, Lincoln e eu somos felizardos por poder estar onde estamos e no momento em que estamos. O que presenciamos é a escalada de uma nova potência mundial rumo a um mundo em constante mudança e, quem sabe, a estruturação de uma nova ordem político-econômica em que a voz da China é cada vez mais importante no grande tabuleiro que é a política mundial do século 21. Tenho certeza que, cada vez mais, se fará importante conhecer a China, saber negociar com a China e não só comprar, mas também vender para a China. E o Brasil e seus empresários precisam se preparar neste sentido.

            Por último queria dizer da minha alegria quando, na semana passada, recebi do próprio Lincoln o instigante convite para fazer contribuições quinzenais ao blog do China Link Trading. De certo que a ausência de experiência no ramo impõe limitações, porém o apreço pela palavra escrita e a certeza de se estar num ambiente no mínimo “interessantíssimo” e digno de reflexões falam mais alto e motivam esta parceria, agora também virtual. Desejo arranjar disciplina para que possa escrever a contento, sobre os mais diversos assuntos que me tocam e chamam a atenção. Afinal de contas, mesmo já tendo deixado o Brasil há 4 anos, sempre me sentirei um estrangeiro por essas terras.

chinalink-blog-portugues-gabriel-quadrosPor Gabriel de Quadros Santos – Diretamente da China
Psicólogo, 4 anos de China, mestrando em Economia Internacional na cidade de Tianjin

Colaborador do blog China Link Trading
Acompanhe novidades no: www.facebook.com/ChinaLinkTrading

Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter

#MAIS ARTIGOS

Elon Musk chines tiktok

Conheça Yilong Ma, o “Elon Musk” chinês que cresce nas redes sociais

Produtos de informática tem imposto zerado

Produtos de informática tem imposto de importação zerado

Produtos Importados da China seguem forte no Brasil

Produtos Importados da China: Ranking 2021