BLOG

América Latina receberá investimento chinês de U$ 250 bilhões em 10 anos – China Link Trading

xi-jinping-promete-elevar-investimento-da-china-na-america-latina

O anúncio desta notícia no dia 8 de Janeiro de 2015 foi feita pelo presidente da China, Xi Jinping, que haverá uma tentativa de aumentar sua influência e ajuda econômica da China nos países latino-americanos, que custará U$ 250 bilhões. Esses 10 anos de investimentos foram debatidos pelos 33 países da Comunidade de Estados Latino-Americanos (CELAC) em Pequim, com os líderes da comunidade, durante dois dias.

As palavras do presidente são de envolvimento e comprometimento, quando afirma “Esse encontro dará ao mundo um sinal positivo sobre o aprofundamento da cooperação entra China e América Latina e terá um impacto importante e de amplo alcance sobre a promoção da cooperação do sul e a prosperidade para o mundo.”

A cobrança da presidente do Brasil, Dilma Rousseff, foi feita para o vice-presidente da China, Li Yuanchao, ao que se refere à quantidade de produtos manufaturados brasileiros importados à China, pois a quantidade deve aumentar.

Como já existe uma cooperação entre China e America Latina no setor de energia, construção de infraestrutura, agricultura, tecnologia e inovação, algumas críticas surgem. Analistas políticos classificaram essa ajuda econômica da China, como “uma intenção de competir com os Estados Unidos”. Como o próprio Xi Jinping mencionou em seu pronunciamento, a influência Norte Americana é muito forte, então, a intenção de fortalecer os laços econômicos da China com a América Latina é clara. Lembra-se ainda que a China compra petróleo da Venezuela, cobre do Chile e do Peru e soja do Brasil e da Argentina.

Grande parte da demanda econômica chinesa vem dos commodities que ela importa da América Latina. Existe a previsão de aumento, em dez anos, para U$ 500 bilhões no comércio bilateral.

Acompanhe nosso Blog de Importação e tire dúvidas conosco através do e-mail de contato: contato@chinalinktrading.com.

Nota do autor: Caso a leitura do artigo traga-lhe alguma dúvida ou sugestão, deixe o seu comentário abaixo. Estamos sempre disponíveis para atendê-los!

carol

Este artigo foi escrito pela graduanda de Relações Internacionais, Carolina Ranzoni, Faculdades Metropolitanas Unidas, São Paulo – SP. 

Compartilhe:
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on twitter

#MAIS ARTIGOS

Elon Musk chines tiktok

Conheça Yilong Ma, o “Elon Musk” chinês que cresce nas redes sociais

Produtos de informática tem imposto zerado

Produtos de informática tem imposto de importação zerado

Produtos Importados da China seguem forte no Brasil

Produtos Importados da China: Ranking 2021