Uma noite pelas ruas chinesas

Um hábito comum dos chineses aqui perto de onde eu moro é o de frequentar restaurantes, bares e baladas durante a noite. Assim como no Brasil que milhares de pessoas de diversas idades têm o costume de sair após o horário comercial, aqui em Shenzhen segue-se a mesma linha com alguns aspectos diferentes e curiosos.

Basicamente ao andar pelas ruas você irá se deparar com dois tipos de casas noturnas. As frequentadas por grande maioria de chineses e as “mistas”, onde tem um público bem variado com pessoas de vários lugares do mundo. E justamente essa diferença de pessoas que tornam as baladas curiosas.

Ao entrar em uma balada “mista” não vemos nada de diferente do Brasil, uns dançam outros bebem, grupinhos conversando, enfim, tudo que costuma acontecer no Brasil.

Agora é só você entrar em uma balada típica chinesa que logo se nota a diferença. Ouve-se um barulho constante além da música, que são dados sendo agitados em um copo plástico e batidos na mesa – Você provavelmente está se perguntando e imaginando e não entendendo a minha explicação – esse é um jogo muito comum na China chamado de “Da Hua Shai”, algo que pode ser traduzido como “dado da mentira”. Eles ficam a noite inteira jogando isso, com o objetivo de quem perde toma um pouco de alguma bebida. Vocês lembram que mencionei acima que a princípio não iam entender o jogo, então esse é o mesmo jogo de quem assistiu ao filme “Piratas do Caribe”.

Além dessa mania nacional, outro hábito dos chineses é o de tomar chá com uísque. Muito simples, pegue uma jarra de suco, depois a encha de gelo com muito chá e bem pouco uísque, está feito o drink local. Essa é a diversão deles, jogar e beber a noite inteira.

Por esse motivo você não verá pista de dança ou muitas pessoas dançando, verá sim muitas mesas com grupinhos e seu “kit”. É muito raro nessas baladas ver o pessoal tomando outra bebida como cerveja, vodca, uísque ou qualquer outra que seja. No final da balada é muito normal ver pessoas sendo arrastadas por amigos, o chinês não tem muito limite para beber… ou tem na  verdade, literalmente até cair. Porém há também (ainda não descobri o porquê) umas chinesas que fingem estar bêbadas (muito provável que seja uma forma de fazer alguma coisa que se der errado ou não tem coragem de fazer sóbria possa colocar a culpa na bebida).

Outro hábito muito comum em algumas baladas mais tops, em certa hora da madrugada a pessoa que mais gastou na noite aparecer em um telão com várias garçonetes levando vários champagnes. Não se espante ao ver no meio da balada mais de dez garçons e/ou garçonetes passarem com diversas garrafas de champagne e fogos, os chineses tem esse hábito de gastar muito dinheiro na balada só para mostrar que ele é bem rico. Ao invés de gastar esse dinheiro, eles poderiam me repassar esse dinheiro que eu ia cuidar muito bem, rs.

Algo que precisaria ser implantado nas baladas brasileiras é o fato de não pagar para entrar ou sair, simplesmente pagar o que é consumido. Outra coisa também é a retirada dos estacionamentos pagos com flanelinha.

 Por Douglas Pazelli – Diretamente da China
www.chinalinktrading.com
Acompanhe novidades no: www.facebook.com/ChinaLinkTrading

Se você precisar de qualquer apoio para começar a importar da China ou melhorar a sua operação aqui na Ásia, podemos apoiá-lo na busca de fábricas chinesas capazes. Nós fazemos a procura de fornecedores chineses, controle de qualidade e carregamento da carga para você em qualquer lugar na Ásia. Consulte nosso site para mais informações.


Veja Também


Deixe seu comentário