Quais frutas a China importa?

Todos sabemos que a China é um excelente exportador de produtos e que está entre os países que mais influencia a economia no mundo. Além de fornecer uma mão de obra excelente para produtos fabricados na China, o país ainda conta com o turismo entre as grandes cidades e monumentos. Mas, do mesmo jeito que o Brasil (e outros países) importam produtos da China, já pensou no que a China importa de outros países? No texto abaixo vamos mostrar uma peculiaridade, frutas importadas pela China! Quer saber mais? Continue lendo.

 

importa
Feirante

 


As relações comerciais entre os países são extremamente importantes para que a economia fique viva, adicionando e enriquecendo a população. A diversidade de produtos dentro do mercado local é um dos fatores que motivam o giro de capital entre as pessoas ao despertar a curiosidade em comprar o produto avistado. 

 

1. Abacate

Muitas frutas na China são consideradas exóticas e caras, principalmente as frutas tropicais. Com o intuito de aumentar a variedade de escolha de frutas e qualidade nos alimentos dos Chineses, as empresas Chinesas estão impulsionando o comércio do país importando toneladas de frutas.

Em 2017, a China importou 30 toneladas de abacate. O comercio de abacate deu um salto nas importações da China e beneficiou os importadores pois as houve redução tarifária nas importações da fruta. Os principais países que exportaram a fruta foram Peru e Chile. O Chile lidera esses números, com acordo de zero tarifa e promessa de produção estável. 

Contudo, o Peru não quer ficar para trás e tornou a forma de entrega das frutas mais convenientes, em apenas uma semana, ultrapassando um valor de US$20 bilhões neste acordo bilateral entre China e Peru. 

importa
Mulher comprando abacates

2. Cereja

Além do abacate, a cereja chilena também ganhou destaque com 125 mil toneladas de cerejas, registrado como record pela Associação de Exportadores de Frutas do Chile.

Com o acordo entre China e esses dois países, empregos estão sendo gerados. Com o aumento das exportações agrícolas, foram criados 1,3 milhões de novos empregos no Peru, em 2018.

 

importa
Cerejas frescas

3. Banana

As famosas bananas do Equador têm sido cada vez mais enviadas a China, ao ponto de haver uma repercussão na mídia em 2014, quando foram registrados US$ 62 milhões, totalizando 100 mil toneladas de banana. O aumento do consumo da fruta se deu pela adesão da fruta entre os jovens chineses e a divulgação do quão saudável e benéfica a fruta é. Desde esse ano, outros países também iniciaram a importação de bananas para a China.

Em 2018, a importação de bananas a China somou um total de US$ 897 milhões em bananas importadas, representando um crescimento de 55% em relação a 2017. Para 2019, um acordo entre China e Camboja abrem portas para a importação de bananas, que prometem enviar bananas com mais rapidez, mais nutrientes, sem risco de doenças e aparentemente atrativas.


 

importa
Vendedor de Bananas

 

4. Pitaya

A maior produção de pitayas se encontra no Vietnã. As condições climáticas e geográficas favorecem o país para a produção da fruta nos 12 meses do ano. Com toda essa abundância, o Vietnã exporta 80% da fruta para a China e a China tem 99% das pitayas importadas do Vietnã.

Contudo, a demanda pelas pitayas ainda não foram sanadas. A quantidade de pessoas que ainda buscam a fruta é grande e ainda há espaço para mais fornecedores neste mercado.

 

importa
Pitaya a venda

 

5. Laranjas

Em 2018, a China importou 30 mil toneladas de laranja do Brasil e as expectativas são de que o consumo do suco de laranja aumente na China. Tanto o suco quanto a fruta fresca são famosas no país pelo seu valor nutricional e doce gosto.

Atualmente, vem-se discutindo a oportunidade para empresas brasileiras de produção de suco de laranja exportarem o produto pronto para a China. Aparentemente, as discussões entre a Associação Brasileira dos Exportadores de Sucos Cítricos e o Ministerio da Agricultura juntamente com representantes da China têm se mostrado positivas para o novo negócio.

Os embarques de suco de laranja foram registrados com um total de 35.255 mil toneladas, acumulando um total de US$ 73,24 milhões.

 

importa
Laranjas a venda

 


Bom, as frutas mencionadas acima são comuns no mercado brasileiro, o qual muitos tem acesso e preenchem o espaço da fruteira em casa. Com a globalização, é interessante pensar que frutas tão comuns a nós, como a banana e o abacate, sejam considerados produtos exóticos na mesa dos chineses. Se quiser saber quais são os produtos que a China mais importa, veja aqui nosso artigo!

 

Por Carolina Ranzoni, diretamente da Nova Zelândia.

Fontes: Atlas Media, Xinhua Portugues, Fresh Plaza, Central America Data, Produce Report, China Link Trading Blog

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário