December 27 2016

A Diversidade da População Chinesa

Posted by Camila Sakamoto

Quando você pensa em China, imagina um imenso território habitado por um único povo, falando a mesma língua e tendo os mesmos costumes? Se você achava que sim, está muito enganado. A população chinesa é muito diversa, sendo que o governo chinês reconhece oficialmente 56 etnias. Conhecer um pouco delas é muito interessante para perceber a riqueza cultural da China. A seguir, conheceremos as principais etnias presentes no país.

 

Os Han: a etnia mais numerosa da população chinesa

população chinesa

A etnia mais numerosa é a Han (汉), a qual pertence cerca de 92% da população chinesa. Seu nome deriva da dinastia Han, uma das mais famosas e poderosas do país. Eles constituem a maioria da população em quase todas as províncias, com exceção de Xinjiang e o Tibete. Os han poderiam ser considerados como o “verdadeiro” povo chinês, visto que a língua, a culinária, e os costumes tradicionais do país derivam deles.

Como eles formam um grupo de mais de 1 bilhão de pessoas, dentre eles há uma grande diversidade cultural. Tome-se como um exemplo a língua: o chinês que conhecemos é o mandarim, o dialeto falado na região ao norte do país, onde localiza-se a capital, Beijing, e que se tornou-se a forma oficial de comunicação do governo. Todavia, cada província possui seu próprio dialeto chinês, como por exemplo, o cantonês. Outra coisa que difere muito é a culinária, sendo que região possui suas próprias especialidades.

 

Os Zhuang, Hui, Manchu e Miao

 

população chinesa

Etnia Zhuang

 

Os Zhuang (壮) são a segunda maior etnia dentro da população chinesa, correspondendo a cerca de 1,3% dos habitantes do país, ou aproximadamente 18 milhões de pessoas. Vivem em sua maioria na região autônoma de Guanxi, no sul da China. Possuem seu próprio idioma, aparentado ao tailandês, embora muitos também falem o chinês.

 

população chinesa

Povo Hui

 

Os Hui (回) são a terceira maior etnia que compõe a população chinesa, em torno de 11 milhões de pessoas. Na prática, eles são muito aparentados com os Han, mas a principal diferença é que os Hui são muçulmanos, enquanto os Han são taoístas, confucionistas ou budistas. Eles também possuem uma culinária própria, visto que pelas leis muçulmanas, não podem consumir carne de porco, que na China é a principal proteína animal ingerida. Eles vivem no norte do país, nas províncias de Gansu, Ninxia, Qinhai e Xinjiang.

 

população chinesa

Povo Manchu

 

Os Manchus, man (满) em mandarim, são um povo com cerca de 10 milhões de pessoas. Eles são famosos porque a última dinastia chinesa, a Qing, era manchu. Vivem atualmente na região conhecida como Manchúria, que foi ocupada pelo Japão durante a Segunda Guerra Mundial. A maioria fala mandarim, porém sua língua originária é o manchu, aparentado ao turco.

 

população chinesa

Etnia Miao

Os Miao (苗), também conhecidos como Hmong, são também uma importante minoria étnica do país, com aproximadamente 8 milhões de pessoas, vivendo no sul do país.  São conhecidos por causa de sua culinária picante e que utiliza bastante o peixe.

 

Os Uigures

 

população chinesa

Os Uigures

 

Os Uigures, em mandarim weiwuer, (维吾尔) são um povo que vive na região autônoma de Xinjiang. Atualmente, existem cerca de 10 milhões de pessoas pertencentes a essa etnia na China. Eles diferem bastante do povo Han em relação à sua cultura, e muitas vezes tem havido confrontos entre os partidários da independência da região onde eles vivem e o governo chinês. Os uigures são muçulmanos e lutam para que sua cultura (mais próxima da Ásia Central que do restante da China) e o seu modo de viver sejam respeitados pelo governo central.

 

Os Tibetanos

 

população chinesa

Povo tibetano

 

 

Os tibetanos, ou záng (藏), em mandarim, são conhecidos mundialmente por causa do Dalai-Lama, o grande líder espiritual budista. Perseguido pelo governo comunista chinês, atualmente ele encontra-se exilado na Índia. O Tibete, também conhecido como Xizang, em mandarim, durante muito tempo foi um reino independente da China, e por isso tem características culturais muito peculiares, tais como o idioma e a culinária. Atualmente, o Tibete é uma Região Autônoma do país, e há fortes movimentos em prol da independência, visto que os tibetanos se sentem marginalizados pelo governo e lutam para que suas tradições culturais sejam preservadas.

 

Os Mongóis

 

população chinesa

Os Mongóis

 

Por último, os mongóis, mengu, em mandarim (蒙古), também são mundialmente conhecidos devido a Genghis Khan, o líder do maior império terrestre já existente, cuja extensão vinha da China até chegar na Europa.  Outrora eram um povo nômade, porém atualmente a maioria acabou por escolher viver nas cidades. Eles habitam na Região Autônoma da Mongólia Interior, no norte da China.

 

E aí, o que achou de conhecer um pouco mais sobre a riqueza de diversidade da população chinesa?

Por Victor Fumoto, diretamente de Marília, SP, Brasil

Fontes: China Highlights, National Geographic

Gostou desse artigo? Então veja muito mais em nossa página do Facebook, em nosso blog e em nosso site