Importar celulares e computadores da China é um bom negócio?

Você consegue viver sem um celular ou computador hoje em dia? Com certeza, a sua resposta será não! Esses dois aparelhos fazem parte do nosso dia-a-dia, não apenas no lazer, como também no trabalho. A China, conhecida como a “fábrica do mundo”, tem estado cada vez mais na vanguarda na produção desses aparelhos, com marcas cada vez mais conhecidas e admiradas dentro do mercado brasileiro. E você? Já pensou em importar celulares e computadores da China? Então continue lendo este artigo para saber mais!

 

importar da china

Por que importar celulares e computadores da China?

Você deve estar se perguntando: será que vale a pena importar esses produtos eletrônicos da China? Será que eles têm qualidade ou são produtos “xing-ling”? Especialistas em tecnologia tem analisado os lançamentos de algumas marcas famosas que os brasileiros gostam de comprar, como a Xiaomi e Huawei, no caso de celulares, e a Lenovo, no caso dos computadores, apesar de que a Xiaomi e a Huawei também terem uma linha de computadores muito bons também. Segundo o seu veredito, vale a pena investir na importação de celulares e computadores chineses e a seguir estarão alguns motivos.

 

importar da china

Qual a qualidade desses produtos?

Como explicado no parágrafo acima, muitas pessoas associam produtos chineses como “xing-ling”. Essa visão, além de ser pejorativa em relação à China, está bem longe de ser a realidade!

Existe sim produtos de má qualidade ou falsificados na China, um dos motivos essenciais para você buscar uma empresa que te indique fornecedores chineses confiáveis, como a China Link Trading. Mas voltando ao assunto, é preciso afirmar que as marcas chinesas, especialmente as relacionadas à tecnologia, tem investido pesadamente em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), como uma forma de melhorar o produto e conquistar o mercado internacional.

Respondendo, então, à pergunta, você pode importar celulares e computadores da China, das marcas citadas anteriormente, sem ter perigo de “comprar gato por lebre”.

Quer aprender quais são os custos fixos de uma importação? Confira o vídeo abaixo!

 

Qual a segurança dos celulares e computadores chineses?

Recentemente, criou-se uma polêmica relacionada com a segurança das informações privadas dos usuários de smartphones chineses, como os da marca Huawei, sob a suspeita de que os dados pessoais estivessem sendo espionados pelo governo chinês. Analistas de Relações Internacionais tem comentado que isso também está relacionado com o fato de que a Huawei está bem avançada na utilização e na implementação da tecnologia 5G, que promete revolucionar o mundo, o que gera preocupação de governos ocidentais e pressão de outras marcas competidoras.

A crise escalonou-se quando, em 1° de dezembro de 2018, a vice-presidente e filha do fundador da Huawei, Meng Wanzhou, foi presa em Vancouver, no Canadá, sob a acusação de que a empresa chinesa estava violando as sanções estadunidenses contra o Irã, o que foi negado pelos chineses. Essa situação ocorreu justamente no meio da maior guerra comercial da história entre as duas maiores economias globais, acirrando ainda mais os ânimos entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e o presidente chinês, Xi Jinping.

 

importar da china
Imagem by Win McNamee/Getty Images ©.

Outros países, como Austrália, Nova Zelândia e outras nações europeias, tem afirmado que não utilizarão a tecnologia chinesa por temor de que o governo chinês use dados confidenciais. No congresso dos Estados Unidos, vários legisladores têm defendido que o uso da tecnologia chinesa é um “risco à segurança nacional”.

Em relação a toda essa polêmica, a China nega qualquer mau uso e alega que a tecnologia é segura. Enfim, não dá para afirmar se o governo chinês espiona ou não os dados de usuários de produtos eletrônicos chineses, assim como também não podemos afirmar que usuários de outras marcas não tenham suas informações pessoais comprometidas pelos seus próprios governos. Assim sendo, antes de importar celulares e computadores da China, pesquise e investigue bem para tirar as suas conclusões se vale a pena ou não fazer negócio.

A seguir, vamos dar uma olhada em algumas marcas famosas e cada vez mais queridas pelos brasileiros.

 

Huawei

Vamos começar com a Huawei (华为), que recentemente passou a Apple e se tornou a segunda maior fabricante de smartphones do mundo, atrás apenas da Samsung. O nome da marca significa “A China está alcançando” e foi fundada por Ren Zhengfei em 1987, num período em que a China estava se abrindo ao mercado externo e preocupada com o atraso da sua própria tecnologia no setor de telecomunicações. A sua sede fica em Shenzhen, na província de Guangdong, uma das cidades mais cosmopolitas e símbolo da China moderna.

 

importar da china
A Huawei é a segunda maior fábricante de smartphones do mundo. Fonte: bcecc.be

A empresa tinha como propósito utilizar a engenharia reversa em tecnologias estrangeiras e investir pesadamente em pesquisa para poder criar um serviço de telecomunicação nacional para fazer frente aos competidores estrangeiros.

Recentemente, a Huawei lançou o seu próprio sistema operacional, chamado Harmony (Na China, o seu nome é Hongmeng). O novo sistema já estava em estudo há algum tempo, mas a sua implementação foi acelerada após as pressões do governo de Donald Trump sobre a empresa. O próprio Google divulgou que iria parar de oferecer o programa Android para os celulares da marca, o que inviabilizaria o uso de novos celulares. Posteriormente, essa decisão foi revertida, mas serviu de impulso para que os chineses criassem o seu próprio sistema operacional. Então, se você importar celulares e computadores chineses, especialmente da marca Huawei, provavelmente os seus produtos virão com o Harmony!

Em resposta às preocupações concernentes à segurança dos dados dos usuários, a Huawei aderiu ao “Apelo de Paris”, um acordo firmado por 67 países, 139 organizações internacionais e civis e 358 companhias do setor privado. De acordo com o site da Huawei, esse acordo visa inspirar mais ações coletivas para promover a segurança no ciberespaço

Entre os smartphones, as linhas mais avançadas e que competem com as gigantes Apple e Samsung são a P e a Mate. Enquanto os celulares da linha P parecem bastante com os demais smartphones de marcas concorrentes, a linha Mate é especializada nos Phablets, aqueles smartphones gigantes que parecem um tablet. Segundo um site especializado em tecnologia, o melhor smartphone da Huawei atualmente é o P30 Pro.

Confira quanto você precisa gastar para começar a importar nesse vídeo!

 

Xiaomi

Uma outra marca bem queridinha dos brasileiros, a Xiaomi (小米 ) é relativamente jovem, pois foi fundada em 2010. Muitas pessoas que querem importar celulares e computadores da China buscam essa marca, que está crescendo e ganhando cada vez mais mercado. A empresa começou produzindo celulares, mas atualmente tem também uma linha de notebooks.

 

importar da china
O Xiaomi Mi A1

As suas principais linhas de smartphones são a Mi e a Redmi, esta última mais conhecida no Brasil. Além disso, a Xiaomi também produz uma variada linha de gadgets, como smartwatches, acessórios para celular, televisões e caixinhas de som e até mesmo produtos inovadores como uma scooter elétrica, câmeras de segurança e lâmpadas LEDs inteligentes

.

 

Lenovo

A Lenovo também é uma marca conhecida pelo consumidor brasileiro, especialmente na área de notebooks e tablets, mas que também fabrica smartphones. A empresa tem investido em novas tecnologias e algumas linhas de produto, como a ThinkPad, voltada para quem utiliza o notebook para trabalho e o IdeaPad, para quem quer algo mais para o lazer, são consideradas por especialistas em tecnologia como sendo muito boas, sendo que alguns desses são daquela linha 2 em 1, isto é, são notebooks e tablets ao mesmo tempo. A empresa também produz acessórios para vários produtos eletrônicos!

 

importar da china

 

E você? Gostaria de importar celulares e computadores da China? Então entre em contato conosco!

 

Por Victor Fumoto, diretamente de Indaiatuba – SP

Fontes: BBC, Huawei Brasil, Olhar Digital, Oficina da Net, Xiaomi Brasil, Lenovo Brasil.

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário