A implementação do 5G na China: uma gigantesca vantagem macroeconômica?

Quando pensamos nos rumos que a tecnologia está tomando, facilmente nos vêm à cabeça coisas relacionadas a robôs e seus derivados, onde a inteligência artificial tende a ganhar cada vez mais espaço e tornar o mundo mais próximo à visão futurista de homens e máquinas convivendo cada vez mais próximos. Mesmo assim, parece algo distante e quase surreal, certo? Errado! Conheça agora a tecnologia capaz de fazer com que isso aconteça e que está sendo desenvolvida a todo vapor na China: o 5G.

 

O que é tecnologia 5G?

Atualmente, com a popularização dos smartphones, temos acesso à internet a qualquer momento, através da utilização de pacotes de dados promovidos por redes de telefonia. Com isso, termos como 3G e 4G são amplamente conhecidos, como formas acessar a rede fora de casa. A rede sem fio de quinta geração (5G), seria um passo ainda maior nesse sentido, permitindo uma conexão ainda mais rápida e densa, cujos impactos vão muito além de nossas vidas cotidianas, interferindo diretamente na indústria e comércio dos países.

Para termos uma ideia, o 5G é 20 vezes mais rápido que o 4G e permite ser lida simultaneamente com um milhão de dispositivos conectados por km², além de utilizar frequências de energia e rádio com downloads de 20 Gbps. Com isso, o 5G é capaz de aumentar inúmeras vezes a capacidade de todos os dispositivos que estiverem conectados à internet através dele, uma vez que o tempo de reação do 5G é dez vezes mais rápido do que o da reação humana.  

 

5G na China
o 5G é capaz de aumentar inúmeras vezes a capacidade de todos os dispositivos que estiverem conectados à internet

 

Quais as vantagens da implicação do 5G na China?

Além de permitir um acesso muito mais veloz à internet, o 5G também será chave essencial para a indústria e comércio na China. Com a alta  capacidade de transferência de dados, o 5G permitirá um desempenho espantosamente maior na operação de máquinas, automóveis e, principalmente, em relação à Inteligência Artificial (AI), incluindo realidade virtual e cidades inteligentes. O que se espera é que os países que saírem na frente na corrida do 5G consigam ganhos desproporcionais no impacto macroeconômico em comparação aos outros, o qual será permitido pelo monopólio temporário decorrente de tal inovação tecnológica do 5G.

Para termos noção do avanço que a tecnologia 5G proporciona, em janeiro, na China, foi realizada a primeira experiência cirúrgica assistida 5G do mundo, a qual se deu no Instituto de Investigação do Sudeste da China Unicom em Fujian. Tal experiência se deu através de uma transmissão em tempo real utilizando tecnologia 5G, permitindo que fosse extraído o fígado de um animal a 50 quilômetros de distância- isso tudo graças à baixíssima latência do sinal 5G.

 

5G na China
O futuro chegou! Experiencias como realidade virtual serão beneficiadas com o 5G

 

O investimento bilionário do 5G na China

Por se tratar de uma tecnologia extremamente avançada e inovadora, a implantação do 5G na China demandará um investimento bilionário por parte das empresas estatais, uma vez que as operadoras deverão reconstruir todas as suas redes centrais de distribuição de dados, bem como comprar novas estruturas para suportar a altíssima capacidade promovida pelo 5G. A chave para a implementação do 5G é a instalação de novos espaços de internet sem fio nas áreas urbanas, sendo que a China hoje conta com dois milhões de locais com cobertura wireless.

Confira também este vídeo sobre a censura na Internet da China!

Almejando se tornar o número um em tecnologia 5G do mundo, a China planeja investir mais de 60 bilhões de dólares (número que continua crescendo ao decorrer das pesquisas) no mercado do 5G, o qual é previsto valer cerca de 10,6 trilhões de dólares até o ano de 2030. Com isso, a previsão é de que a China deverá se tornar o maior mercado de 5G do mundo, contando com aproximadamente 460 milhões de usuários 5G até 2025. Segundo Mats Granryd, diretor do Sistema Global de Comunicações Móveis (GSMA), “o setor de telefonia móvel da China tem sido um fator-chave para o crescimento econômico, inclusão e para a modernização, criando uma nova geração de consumidores digitais e transformando a indústria e a sociedade”.

 

5G na China
Almejando se tornar o número um em tecnologia 5G do mundo, a China planeja investir mais de 60 bilhões de dólares no mercado do 5G

 

China x EUA: a disputa pelo 5G

Nessa corrida de inovação tecnológica 5G, destaca-se a gigante chinesa Huawei, a qual é a única a possuir propriedade intelectual e controlar a produção do começo ao fim de todos os elementos envolvidos para a implementação do 5G. Dando continuidade à guerra comercial entre as duas potencias, os Estados Unidos tentam à todo custo alcançar o posto de líder na tecnologia 5G, enquanto também tentam barrar a entrada das redes 5G da Huawei no país norte americano. Por ser capaz de construir o império 5G de forma acessível e conectar desde telefones celulares até superpetroleiros com a tecnologia 5G, a empresa vem sendo atacada por páginas de notícias americanas, sob alegação de ameaçar a segurança nacional de outros países através de possível espionagem. Entretanto, as acusações foram completamente negadas pela Huawei.  

Apesar de seus esforços, a empresa chinesa acumulou mais contratos 5G do que qualquer um dos rivais, além de anunciar o lançamento de seu aparelho 5G em junho deste ano, enquanto a empresa norte americana Apple lançará seu primeiro aparelho 5G apenas em setembro de 2020.

 

5G na China
a empresa chinesa (Huawei) acumulou mais contratos 5G do que qualquer um dos rivais, além de anunciar o lançamento de seu aparelho 5G em junho deste ano

 

E então, bora navegar no 5G?

 

Por Caroline Malheiros, diretamente de Marília.

Fontes: Revista Ópera, Infomoney, Canal Tech, People

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário