Guia sobre fornecedores chineses

Sejam pequenos, médios ou grandes empresários, ter conhecimento sobre importação, seus métodos, suas vantagens e estratégias é sempre de grande utilidade para aumentar os ganhos da empresa. Para o processo de importação de produtos chineses, existem algumas informações cruciais para que uma grande oportunidade não se torne um prejuízo para sua empresa. Nesse artigo é possível aprender dicas sobre uma parte importante do processo de importação: encontrar fornecedores chineses. A importação da China exige uma maior cautela do que aquelas feitas de países da América Latina ou outros mais próximos ao Brasil pois a distância faz com que o investimento necessário seja maior, assim como seu lucro.

 

Fornecedores chineses

 

Fornecedores chineses: onde encontrá-los?

A melhor e mais confiável maneira de se encontrar fornecedores chineses de confiança e de qualidade é visitando feiras de negócios na China sobre o determinado produto interessado. Existem feiras de produtos de iluminação, material de construção, decoração e diversos outros setores. Além de encontrar uma maior quantidade de opções de produtos e fornecedores, o empresário brasileiro também pode se inteirar das novidades daqueles produtos e novas tecnologias, aumentando seu leque de produtos e ganhando vantagem sob sua concorrência.

Ao viajar para a China para visitar as feiras de negócios, existe também a vantagem de se poder visitar as fábricas in loco e fazer sua auditoria. A maior e mais conhecida dessas Feiras de Negócios é a Feira de Cantão, onde até aqueles que ainda não sabem com certeza o que querem comprar podem encontrar produtos dos mais variados setores e tipos durante seus vários dias de duração. Mais de 200 mil compradores frequentam a Canton Fair diariamente, criando também uma oportunidade de aumentar a rede de contatos e abrir mais portas para o empresário brasileiro.

Quando não há a possibilidade de se visitar feiras na China, como a gigante Feira de Cantão na China, é possível encontrar em feiras nacionais alguns fornecedores asiáticos. Nas feiras existem setores com empresas internacionais que buscam fazer negócios com os brasileiros. Essas empresas expositoras possuem auxílio do governo chinês e também investem na determinada feira com o objetivo de promover seus negócios naquele país. Apesar dessas empresas estarem expondo no Brasil, é de extrema importância uma auditoria física ao local da fábrica ou da empresa na China, para que sejam observadas as condições e exigências particulares da compra dos fornecedores chineses. A internet pode ser utilizada para facilitar o contato entre empresários brasileiros e fornecedores chineses, através de plataformas e sites como AliBaba. O problema deste método é que as contas verificadas como confiáveis por esses sites não podem ser confiadas 100%. Outros truques podem enganar o empresário, como o uso de imagens falsas em seus catálogos, a inclusão de produtos e outros dados irreais sobre a empresa. Maiores informações clicando aqui.

 

Fornecedores chineses

 

Conhecimento e estratégia

A escolha por importar produtos para o Brasil surge do empresário brasileiro que busca produtos com preços mais competitivos ou aumentar seu leque de produtos, variando sua pauta de produção e aumentando seus lucros. O processo de importação precisa de muito estudo, conhecimento e estratégia para que possa funcionar corretamente. É importante ter cautela em todas etapas do processo, desde a busca por novos suppliers, o  contato com o fornecedor, a auditoria da fábrica e, principalmente, fechamento de contrato. Estabelecer confiança com um fornecedor do outro lado do mundo é complicado, não só devido à distância como também diferenças culturais que se mostram na maneira de se fazer negócios. Para que uma boa escolha seja feita, é importante se organizar de acordo com os recursos disponíveis e analisar as vantagens oferecidas por cada fornecedor. Este é um processo que leva tempo e que exige paciência por parte do empresário, que inicia uma nova etapa em seu negócio. Esse é um processo que leva tempo e que, se não realizado com cautela, pode causar o efeito reverso.

É importante estabelecer contato com diversos fabricantes e não focar apenas em um, para ter outros contatos caso necessite. Para que fique mais fácil se organizar, vale a pena realizar tabelas ou outras maneiras de arquivamento, como uma base de dados com todos os fornecedores chineses e suas respectivas informações.

 

Contato direto ou contratando uma Trading?

Levando em conta as particularidades de se realizar negócios com um país tão distante do Brasil, surge uma dúvida muito comum dos empresários que iniciam a empreitada de importar da China: realizar o contato diretamente ou através de uma empresa de Trading? Existe um tabu acerca de comprar com Tradings chinesas em vez de realizar o contato direto com a fábrica. Essa escolha deve ser feita dependendo do tipo de empresário interessado. Devido à sua maior diversidade, as Tradings são mais indicadas para empresários iniciantes pois possuem uma maior diversidade de produtos, o que pode ajudar na preferência do consumidor. Além disso, as Tradings vendem o produto em menores quantidades, têm mais experiência com vendas para o mercado externo e suas especificações e podem consolidar cargas (reunir produtos de diferentes cargas para fechar um contêiner) . Já para empresários que já estão no ramo da importação e precisam de quantidades substanciais de determinado produto, o contato direto com a fábrica pode ser mais vantajoso.

 

Vantagens de fornecedores chineses

O preço de um produto depende diretamente do seu custo de produção, somados custos com material, mão-de-obra, embalagem, transporte e outros. Os materiais e produtos vendidos pelos fornecedores, por sua vez, dependem de fatores internos do seu país de origem. A China, tendo uma mão-de-obra barata e infraestrutura de transporte, possui, em geral, os produtos com maior vantagem em comparação com os produtos de fornecedores de outros países.

 

Mariana Madrigali Fidalgo, Estância Turística de Brotas, SP – Brasil

Fontes: China Link Trading,

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter


Veja Também


Deixe seu comentário