Faculdades da China: como são elas?

Nos últimos anos, um número cada vez maior de estrangeiros provenientes do mundo inteiro se candidatam para estudar nas faculdades da China. Em parte, isto deve ao crescimento econômico do país, o que aumenta quase imediatamente a importância do idioma chinês (ou mandarim). Mas também há outra razão por trás disso: com mais dinheiro, o governo vem investindo cada vez mais nas faculdades chinesas, aumentando rapidamente o nível da educação e da pesquisa no país. Pra você que se interessa pela cultura chinesa, ou que pretende melhorar seu currículo, não deixe de ler este artigo e assistir o vídeo ao final dele, onde apresentamos as informações mais importantes sobre as faculdades na China.

 

Diferenças entre as faculdades da China

Se você acha que o Brasil é grande, não se esqueça que a China é maior ainda. Como é de se esperar, em um território tão vasto, são milhares e milhares as universidades chinesas que oferecem vagas para estrangeiros. E é claro, com uma variedade tão grande, nem todas possuem o mesmo nível educacional, assim como ocorre no Brasil. Quando falamos nas universidades da China, temos que ter o cuidado de não padronizar, já que existem universidades na China consideradas fracas, outras consideradas medianas ou boas, e também faculdades chinesas excelentes.

faculdades da China
Existem milhares de faculdades chinesas que oferecem vagas para estrangeiros em todo o território chinês

Podemos fazer algumas comparações entre as faculdades da China e as do Brasil (o que faremos no próximo tópico), e também traçar um paralelo sobre as exigências do mercado nos dois países. Para o mercado de trabalho brasileiro, o fato de estudar em qualquer uma das faculdades na China importa muito mais do que em qual faculdade a pessoa estudou. Isso porque, ao estudar na China (não importa em qual universidade), já temos inúmeras chances de criar contatos com chineses e de melhorar nosso nível no idioma chinês.

Se você quer mais informações sobre bolsas de estudo na China, clique aqui. Neste artigo, também fornecemos informações sobre oportunidades para trabalhar na China, e maneiras de ganhar dinheiro com a China sem sair do Brasil.

 

Faculdades na China e no Brasil

Em linhas bem gerais, as melhores faculdades da China se encontram nas cidades mais desenvolvidas do país, entre as quais podemos citar Pequim, Xangai, Hong Kong, Shenzhen, Guangzhou, entre outras. A Universidade Fudan, em Xangai, a Universidade de Pequim e a Universidade de Tsinghua, ambas em Pequim, costumam ser citadas entre as melhores do país, e podem ser comparadas às melhores do Brasil, como USP, Unicamp e UNESP, por exemplo.

Além delas, existem centenas de faculdades na China de nível provincial, que podem ser comparadas, genericamente, às universidades federais e estaduais brasileiras. É para elas que vão a grande maioria dos estrangeiros que querem estudar na China, já que existem várias delas, e portanto as chances de conseguir uma vaga em uma delas são numericamente muito maiores. Além disso, o nível educacional da maioria delas é muito bom também.

 

Características gerais das universidades chinesas

Não importa se estamos falando das universidades chinesas mais ou menos renomadas, quase todas elas possuem infra-estrutura para a prática de esportes. Mesmo nas menores, é praticamente certo que você vai encontrar quadras de basquete em diferentes pontos do campus, provavelmente um ginásio poliesportivo coberto, um campo de futebol, e se der sorte, uma piscina semi-olímpica. Dependendo dos cursos que oferecem, algumas ainda contam com academia e quadras ou campos para a prática de outros esportes.

universidades da China
Quase todas as universidades chinesas têm quadras de basquete. Muitas ainda contam com ginásios, piscinas e campos de futebol

As salas de aula nas faculdades da China, em geral seguem o modelo padrão do professor na frente, e os alunos sentados em fileiras. Quase todas as salas são equipadas com ao menos um computador, projetor e equipamento de áudio. Em muitas delas, há duas portas de entrada e saída, uma na frente e outra ao fundo.

Como a população chinesa é bem numerosa, geralmente o número de alunos das faculdades na China é maior do que no Brasil. Por isso, mesmo nas faculdades chinesas menores, constantemente encontramos muitos estabelecimentos comerciais de todos os tipos, incluindo farmácia, restaurantes, ópticas, supermercados, hospitais, e às vezes até McDonalds dentro do campus. Similares a restaurantes, quase todas as universidades na China possuem “cantinas” (ou 食堂), que oferecem comida a preços mais baixos.

Para informações mais detalhadas, assista o vídeo abaixo sobre as universidades da China.

 

Vídeo ” Faculdades na China “

Este vídeo é mais um da nossa série no Youtube, A China é assim. Nesta série você descobre muito mais sobre a China. Não deixe de ver! Para acessar nosso canal no Youtube, basta clicar aqui.

Por Gabriel Condi, diretamente de Wuhan, Hubei, China.


Veja Também


Deixe seu comentário