A estratégia de modernização da China como expressão de um “Modelo Asiático”

8cf3dad172a9dd0c89070e8bbb604d8d_article

O processo de crescimento econômico da China desde o período de “Abertura e Reforma” vêm surpreendendo outros países do mundo que possuem uma economia estável e bem desenvolvida, como os Estados Unidos. Sabe-se que a atuação da China pautou-se na estratégia de adaptar as características do país com o “modelo asiático” iniciado no Japão e logo depois na Coréia do Sul junto com Taiwan e Hong Kong.

O processo de modernização japonesa teve inicio no século XIX, em que o país se firmou como potência industrial enquanto os países ao redor estavam presos ao colonialismo europeu.

As similaridades encontradas entre os modelos econômicos estão no papel desempenhado pelo planejamento estatal, intervencionismo do Estado no processo industrial, estrutura do mercado de trabalho, existência de um grande exército industrial de reserva, orientação para o mercado externo como o motor do crescimento, elevadas taxas de investimento e poupança, além da importância da incorporação de novas tecnologias.

No entanto, toda essa mudança implementada a partir de 1978 não surgiu do nada, pois durante o período de economia planificada foram criadas as bases para a evolução da economia chinesa, sendo que a indústria pesada, o setor petroquímico, siderúrgico, mecânico, energético e de transportes já estavam passando por um forte desenvolvimento. O processo de acumulação industrial ocorreu em detrimento do setor agrícola, que fornecia capitais e outros recursos para o desenvolvimento das forças produtivas.

Uma diferença que é importante ser pontuada, diz respeito ao processo de desenvolvimento da China que tende a superar os impactos regionais e assumir um papel de proeminência na economia mundial nas próximas décadas. Antes de se criar um novo “Japão”, o processo de modernização chinês está gestando um novo ciclo de acumulação e possível ascensão da China como novo país hegemônico no mundo. Sendo assim, que tal entrar no mercado chinês? A China Link pode auxiliar nesse processo, nos procure para saber mais!

Acompanhe nosso Blog de Importação e tire dúvidas conosco através do e-mail de contato: contato@chinalinktrading.com.

Nota do autor: Caso a leitura do artigo traga-lhe alguma dúvida ou sugestão, deixe o seu comentário abaixo. Estamos sempre disponíveis para atendê-los!

 

Leticia  Por Letícia Osti – Direto de Marília-SP, Brasil.

  www.chinalinktrading.com

Acompanhe novidades no: www.facebook.com/ChinaLinkTrading

 

Se você precisar de qualquer apoio para começar a importar da China ou melhorar a sua operação aqui na Ásia, podemos apoiá-lo na busca de fábricas chinesas capazes. Nós fazemos a  procura de fornecedores chinesescontrole de qualidade e carregamento da carga para você em qualquer lugar na Ásia. Consulte nosso site para mais informações.


Veja Também


Deixe seu comentário