Junho 25 2018

Importação de Baijiu: o famoso licor chinês

Posted by Victor Fumoto

Você conhece o Baijiu? Com aproximadamente 9000 anos desde sua origem, o famoso licor chinês é conhecido como uma das bebidas alcoólicas com teor alcoólico mais forte do mundo, tendo uma média de 29% a 65% por volume!

 

 

O licor produzido a partir da fermentação de grãos como o arroz é marcado por uma má reputação no Ocidente, justamente pelo seu forte cheiro e sabor, que não é familiar para este lado do planeta. No entanto, isso não abala a receita milenar do licor que expõe sua proposta já em seu nome, uma vez que o BáiJiǔ 白酒 significa literalmente “licor puro”.

A complexa bebida leva muito tempo para que sua paleta não familiar se ajuste, no entanto, se você aprender a apreciar seu sabor salgado distinto, é possível que esta se torne uma das experiências mais agradáveis em diversas ocasiões, ajudando-o a apreciar ainda mais algo tão marcante da cultura chinesa. E talvez se torne uma grande oportunidade de importação, no futuro, tal qual tem sido feito pelos próprios chineses, que surpreenderam a indústria mundial do vinho nos últimos anos, devido ao seu grande investimento na importação das bebidas estrangeiras!

 

Como importar o Baijiu?

Na hora de decidir-se por importar qualquer produto é importante atentar-se ao segmento escolhido, já que os custos de importação não tendem a ser baratos, apesar dos baixos preços que o Baijiu tem em si. Portanto, antes de tudo, procurar pelos melhores fornecedores é a melhor maneira de evitar prejuízos, atentando-se, principalmente, aos fornecedores que têm os produtos com preços cabíveis e de qualidade.

 

 

Portanto, é de suma importância uma pesquisa de forma demasiada antes de escolher determinado produto, procurando conversar com outras pessoas que já têm certa experiência, de modo a conhecer todos os problemas que podem acontecer. Existem diversos sites que vendem os licores chineses em atacado, o que proporciona ainda melhores preços ao comprador. Mas atente-se antes de estar comprando de sites seguros, uma vez que comprar da internet pode ser muito perigoso em diversos casos!

 

É possível, hoje em dia, criar uma loja especializada em Baijiu no Brasil?

Podemos encarar que existam duas possibilidades na hora de criar uma loja especializada em licores chineses, como o Baijiu, mas tal procedimento de importação apresenta uma restrição específica, embora não seja proibido importar bebidas alcoólicas.  Tal limitação se impõe justamente no fato da maioria das bebidas alcoólicas importadas apresentarem a necessidade de licença de importação por parte do MAPA, o Ministério da Agricultura. Assim, é proibida a importação de bebida alcoólica por remessa expressa, de acordo com a Instrução Normativa RFB nº 560, de 19 de agosto de 2005, que disciplina o Despacho Aduaneiro de Importação e de Exportação de Remessas Expressas, onde no 2º artigo as bebidas alcoólicas são excluídas para tal situação.

 

 

Dessa forma, sem tal licença, será possível importar em pequenas quantidades, apenas para o consumo próprio. Uma vez em posse de tal licença, podemos voltar a pensar nas duas possibilidades: A primeira delas é a loja física, a opção preferida dos clientes, principalmente pela possibilidade de degustar as bebidas, pois podem escolher entre os diferentes aromas de Baijiu.

A segunda possibilidade é melhor para aqueles que não têm condições de arcar com um grande investimento necessário à abertura de uma loja física. Dessa forma, a loja on-line é uma excelente opção, embora as vantagens em relação ao estabelecimento físico sejam mais complicadas, sendo necessário que o vendedor esteja disposto a um árduo trabalho de fidelização, que pode ser obtido a partir, por exemplo, de uma rápida entrega, atendimento ágil e prestativo, novidades frequentes, entre outras.

E aí, que tal experimentar o Baijiu? Deixe seu comentário conosco e continue ligado no blog!

 

Por Lucas Fortes Mulati, diretamente de Marília, SP, Brasil

Fontes: HKTDC, ImportaBR, FórumImportar, Wikipédia, ConcoursMondial

Gostou desse artigo? Então confira mais conteúdos e acompanhe as novidades em nossas redes sociais:

Facebook  |  Canal do Youtube  |  LinkedIn   |  Instagram   | Twitter |  Google +